Postagens

Mostrando postagens com o rótulo ASRock

AGP Beast #2

Imagem
No mais novo episódio da saga do AGP Beast mostrarei a sua montagem e configuração. Veja como foi!

Naked Avenger #1

Imagem
Como assim, um vingador pelado? Pois é, esta é a nova versão da minha plataforma de testes de placas de vídeo!

AGP Beast #1

Imagem
Quem disse que PCs baseados no barramento AGP são necessariamente "cacarecos velhos"? O AGP Beast irá mudar este paradigma e o fará rever os vossos conceitos! 😎

Unboxing: placa-mãe ASRock 775i65G R3.0

Imagem
A ASRock 775i65G é uma placa-mãe única por unir o suporte aos processadores Core 2 com o barramento AGP . Veja as suas características!

Whitebox (Parte 2 – Montagem)

Imagem
Na segunda parte do especial sobre o meu servidor pessoal mostrarei a sua montagem e um pouco da sua operação. Confira!

Whitebox (Parte 1 – Apresentação)

Imagem
Eu estava precisando de um equipamento simples para backups e um servidorzinho Git pessoal. O Whitebox não é nada mal!

Athlon Player (Parte 2 – Montagem)

Imagem
Veja como foi a montagem e configuração do PC reprodutor de mídia baseado no Athlon 3000G. 😀

Athlon Player (Parte 1 – Apresentação)

Imagem
Resolvi atualizar o meu PC reprodutor de mídias, mesclando componentes novos e alguns velhos conhecidos. 😃

Unboxing: placa-mãe ASRock A320M-HDV R4.0

Imagem
A ASRock deu uma repaginada na sua placa-mãe AM4 de entrada. Veja aqui as suas principais características e detalhes.

Rebuild #10 – Ryzen First Blood (Parte 2 – Montagem)

Imagem
Veja como foi a montagem deste belíssimo PC! 😎

Rebuild #10 – Ryzen First Blood (Parte 1 – Apresentação)

Imagem
Na derradeira temporada da série Rebuild, mostrarei o retorno triunfal da AMD ao segmento de alto desempenho, na figura do primeiro Ryzen que eu tive. Confira!

Avenger PC (Parte 2 – Montagem)

Imagem
Nesta postagem mostro a montagem e configuração deste especialíssimo PC. Confira!

Avenger PC (Parte 1 – Apresentação)

Imagem
O Avenger será o meu novo PC para a bancada de testes de hardware. Veja quais são os seus componentes!  Atualizado em outubro de 2021.

Unboxing: placa-mãe ASRock Z490 Phantom Gaming 4

Imagem
Confira a minha análise sobre este modelo da ASRock, que conta o chipset topo de linha da plataforma Intel LGA 1200. Será que ela é uma boa opção de compra?

Xeontosh (Parte 2 – Montagem e configuração)

Imagem
Nesta postagem o Xeontosh começa a tomar forma. Todos os detalhes estão aqui!

Xeontosh (Parte 1 – Apresentação)

Imagem
Após muito lamentar os preços praticados pela Apple HuehueBR finalmente resolvi montar um hackintosh, que ainda por cima é baseado em um Xeon! Confira os componentes deste projeto! 😎

Unboxing: placa-mãe ASRock H61M-HG4

Imagem
Sim, ainda são produzidas placas-mãe soquete LGA 1155! Nesta postagem mostrarei um modelo de entrada da ASRock baseada no chipset Intel H61, que é fabricada na Zona Franca de Manaus.

A placa-mãe mais cara do mundo

Imagem
Macintosh 56K? Galaxy Fold? Nada disso! Após ver o valor dessa placa-mãe, certamente a vossa percepção de preços será profundamente e irremediavelmente alterada! 

SLI, aqui me tens de regresso

Imagem
Sim, eu voltei a ser um "feliz" usuário de um arranjo SLI. Chocante! 😱

Não sou o único

Imagem
Descobri que não sou o único com problemas com uma placa AM4 de primeira geração da ASRock. Esta postagem é uma atualização sobre a atual situação desta tão polêmica placa. Antes de prosseguir farei um resumo geral da novela desta placa, para que o estimado leitor não se sinta perdido. Tudo começou em maio de 2017 quando eu, feliz da vida, montei o meu primeiro kit Ryzen com a ASRock  Fatal1ty X370 Gaming K4 . Depois de pouco mais de um ano de uso, a placa passou a apresentar comportamentos bizarros : não salvava os ajustes do setup e mantinha alguns subsistemas ligados (como as ventoinhas) mesmo após ser desligada. Como não consegui resolver estes problemas, acabei comprando uma Asus Prime X470-Pro com a qual estou até hoje e encostei a ASRock. A placa ficou guardada por um ano sem ver a luz do dia, até que por curiosidade resolvi testá-la novamente e não é que ela, ao menos aparentemente, estava perfeita? Tanto que me encorajou a utilizá-la no projeto RGB Master .