Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Computação na Nuvem

O maior supercomputador da Europa terá processadores Epyc

Imagem
O processador para servidores da AMD será a base do Archer2, supercomputador desenvolvido pela Cray (que hoje pertence à HP) para a Universidade de Edimburgo na Escócia. Será que o Epyc conseguirá repetir nos servidores o sucesso que o Ryzen obteve nos desktops?

Ladrões virtuais pé de chinelo #6

Imagem
Às vezes algum e-mail golpista (palavra tão em moda ultimamente) passa pelos filtros de spam e pishing. E quase sempre eles são bastante divertidos!



O golpista do e-mail abaixo vai além: além de pé de chinelo também é burro pra carvalho. Nem o nome da empresa conseguiu acertar, assim fica difícil amigo!

Olhando o código-fonte é possível observar que o link para o pedido da "Ambeve" utiliza um encurtador de URL. Não tive a curiosidade mórbida de abrir (clique na imagem para ampliar):

Quer ficar mais esperto com tais golpes? Então confira a postagem Dicas para não cair em golpes baseados em Engenharia Social. 😉

Nova distribuição na praça: MS Linux

Imagem
Alguém algum dia já imaginou que a Microsoft lançaria uma distribuição Linux? Pois é, esse mundo anda cada vez mais louco mesmo.



O nome oficial da distro é Azure Sphere OS, e conforme a Microsoft é voltada para dispositivos IoT e está alinhada com a plataforma Azure, como o próprio nome sugere. A grande motivação para este projeto é a necessidade que esta classe de dispositivos tem por softwares frugais: o kernel NT simplesmente não pôde ser enxugado o bastante e, em um puro pragmatismo que vem marcando a gestão Nadella, a empresa partiu para o kernel Linux. #PartiuLinux!

Porém o Azure Sphere OS não será uma distribuição que você poderá baixar a ISO - ela virá apenas embarcada nos aparelhos. Outra motivação para a empreitada, ainda conforme a Microsoft, é a questão de segurança pela maior facilidade de manter os dispositivos IoT sempre atualizados, em função do software ser o mesmo.
E pensar que, em um passado não muito distante, o fanfarrão do Ballmer vivia arrotando que era só dar …

Ladrões virtuais pé de chinelo #5

Imagem
Bora baixar a nota fiscal eletrônica autorizada! Só que não...

Bem, creio que este golpe seja facilmente identificado pelos mais experimentados, porém não custa nada dar algumas dicas ao público que não seja do ramo.

Primeiro de tudo, confira o endereço do remetente: como diabos alguma empresa séria ou a própria Receita Federal iria usar um e-mail com o nome "faltouumaideia"? 
Em segundo, basta observar o servidor para onde apontam os links (na mensagem, apenas pare a seta do mouse em cima, sem clicar): o domínio "fbsbx.com" pertence ao Facebook (é um sandbox para arquivos considerados perigosos que são enviados pelos usuários), porém também é largamente usado para espalhar malwares - bastaram uns poucos minutos de pesquisa para descobrir isto. Eis o link completo, conforme podemos observar no código-fonte da mensagem:

Para as ameaças digitais o bom senso e a prudência são as melhores formas de evitar problemas, sem dúvida.

Esqueça tudo o que você aprendeu sobre senhas seguras

Imagem
Sabe aquelas velhas recomendações sobre misturar caracteres especiais, números e letras maiúsculas e minúsculas para criar as suas senhas? Elas não passavam de um estudo mal feito, pelo qual o seu criador pede desculpas publicamente.

A gênese desta “prática de segurança”, que muitos tinham até recentemente como um mantra sagrado, está em um estudo publicado pelo órgão do governo americano NIST (National Institute of Standards and Technology) em 2003. Tal estudo, chamado de “Special Publication 800-63”, foi feito pelo funcionário público Bill Burr, que não era lá muito versado em segurança de dados.
Passados 14 anos da “Publicação Especial 800-63”, o seu autor veio a público pedir desculpas e afirmar que tal prática para a criação de senhas não traz nenhum benefício, ou seja, não as torna mais seguras. Para piorar, Burr admitiu que o seu estudo foi baseado em outro feito no início dos anos 1980, ou seja, quando as ameaças de hoje e mesmo a Web como a conhecemos tinham ares de ficção c…

Ransomware Petya/NotPetya faz estragos pelo mundo

Imagem
Ataques foram registrados principalmente na Ucrânia, Rússia, Espanha e França, mas também há registros no Brasil. Novo ransomware explora a mesma falha usada pelo WannaCry, que já havia sido corrigida pela Microsoft meses atrás. Atualizado com um método para evitar que o ransomware criptografe os arquivos.

Conforme informações da Kaspersky, ainda não está claro se o novo ransomware é uma variação do Petya ou não. Certo mesmo é que ele usa a mesma falha no servidor SMB do Windows que foi explorada pelo WannaCry, cuja correção foi disponibilizada pela Microsoft inclusive para os Windows sem suporte como o XP e o Vista.
O ransomware exige o pagamento de 300 trumps em bitcoins para fornecer a chave de descriptografia dos arquivos. Porém há um pequeno detalhe: o provedor alemão Posteo, cujo serviço foi utilizado pelos crackers para criar o e-mail de contato, informou que desabilitou o endereço em questão depois de tomar ciência do ocorrido. Ou seja, mesmo quem se dispor a pagar o resgate …

Te cuida Xeon! AMD lança o processador EPYC com até 32 núcleos

Imagem
Novos processadores da AMD voltados para servidores terão até 32 núcleos e 64 threads, com versões para um e dois soquetes.



Confira o novo processador EPYC, mostrado na apresentação da AMD:

Os modelos com 32 núcleos são compostos por quatro dies Zeppelin (os mesmos dos processadores Ryzen tradicionais) interligados pela nova tecnologia da AMD, a Infinity Fabric.

Eis a lista de modelos dos EPYC, conforme divulgado pela AMD:

As características comuns a todos os modelos impressionam: controladora de memória DDR4 de 8 canais, 128 linhas PCI Express 3.0 e nada menos do que 64 MB de memória cache L3. Wow! Segundo a AMD, os EPYC entregam até 70% a mais de performance da faixa de preço dos 800 dólares.
Depois dos Ryzen e dos Ryzen ThreadRipper, a gloriosa arquitetura Zen origina uma outra linha de produtos e agora a Intel terá concorrência também nos servidores e data centers. A AMD realmente está de volta, para a nossa alegria!

Criando uma máquina virtual Linux para acesso aos bancos (Instalação dos drivers e do plugin G-Buster)

Imagem
Prosseguindo com a pauta da máquina virtual Linux para acessar os bancos, mostrarei agora a instalação dos drivers do VirtualBox e do plugin G-Buster em si. Confira!

Atualizado para mostrar como configurar uma pasta compartilhada no Xubuntu.

WannaCry: uma luz no fim do túnel

Imagem
Teve o PC infectado pelo WannaCry? Se ele ainda não foi reiniciado após a infecção, há uma esperança de recuperar os arquivos: a ferramenta WannaKiwi.



O WannaKiwi funciona no Windows XP, Vista, 7, Server 2003, 2008 e 2008 R2. Ele procura na RAM do equipamento a chave de descriptografia gerada pelo WannaCry, a qual é composta por dois números primos, e a aplica para descriptografar os arquivos afetados. Por isto é importante que o PC não tenha sido reiniciado, visto que a RAM é uma memória volátil e o seu conteúdo é perdido sempre que o sistema é desligado ou reiniciado. O WannaKiwi está GitHub.
Em tempo, o WannaKiwi é baseado em uma outra ferramenta de descriptografia, a WannaKey, que funciona apenas no Windows XP e foi desenvolvida por Adrien Guinet. De qualquer modo sempre é bom lembrar a importância de instalar a atualização da Microsoft, que está disponível também para os Windows sem suporte.

Criando uma máquina virtual Linux para acesso aos bancos (Configuração e Instalação)

Imagem
Veja aqui como criar uma máquina virtual exclusiva para acessar os bancos, feita com softwares que são totalmente livres de custos. Desta forma é possível evitar a instalação de plugins e demais softwares indesejados utilizados pelas nobres instituições financeiras no sistema principal do PC.

Microsoft fornece correção para o WannaCry, mesmo para os Windows sem suporte

Imagem
Quem não estava com a cabeça enfiada em um buraco nos últimos dias deve ter ouvido falar do ransomware WannaCry, inclusive na mídia das massas (TV). Veja aqui como deixar o seu sistema protegido, mesmo nas versões antigas do Windows.

Tecnicamente falando, o WannaCry se aproveitou de uma falha no SMB Server que foi corrigida pela Microsoft em março, ou seja, se o seu Windows estiver com as atualizações em dia o mesmo está imune. Porém no ambiente corporativo isto não é tão simples: normalmente as atualizações são gerenciadas de forma centralizada, e administradores preguiçosos podem ter perdido a janela para aplicá-las. Não é por acaso que justamente neste ambiente o estrago foi maior.
E quem ainda usa um Windows sem suporte? Felizmente a Microsoft lançou uma atualização também para estes sistemas, a KB4012598, que está disponível para download no Microsoft Update para o Windows XP, Vista, Server 2003 e 2008, tanto de 32 quanto de 64 bits. Baixe-a e a instale para ontem!
E o que fazer…

O Chrome vai se atualizar automaticamente para 64 bits

Imagem
A partir da versão 58, o navegador Google Chrome de 32 bits automaticamente se atualizará para a versão 64 bits, caso o sistema operacional seja um Windows x64 em um PC com 4 GB de RAM ou mais.


Conforme o Google, a versão de 64 bits do Chrome é mais rápida, estável e segura do que a sua contraparte de 32 bits (o que é uma verdade inconteste, diga-se de passagem) e por isto "forçará a barra" para a adoção do navegador x64. Porém isto não significa o fim da compilação de 32 bits, que continuará sendo suportada e terá novas versões normalmente.
Sem dúvida trata-se de uma atitude muito louvável do Google, que merece os nossos mais fervorosos aplausos. Catorze anos após a introdução dos processadores AMD64, finalmente os aplicativos x64 estão tornando-se onipresentes. Isto mostra o conhecido abismo que há entre hardware e software.

Capitalismo: uma história de amor

Imagem
Após desintegrar o Yahoo, a CEO Marissa Mayer vai receber algo em torno dos 200 milhões de dólares após a venda para a Verizon. Um prêmio pelo fracasso, talvez o maior da história.

Aprendam com os chineses

Imagem
Enquanto que por aqui as empresas de telecomunicações querem a todo custo nos empurrar franquias de Internet para não terem que investir em infraestrutura – e com a bênção do governo, que ainda não liberou as famigeradas franquias apenas por temer mais um duro golpe à sua popularidade – na China o governo criou um fundo de US$ 14,6 bilhões para investir em infraestrutura e empresas de tecnologia voltadas para a Internet. O fundo é formado por bancos e empresas de telecomunicações como a China Mobile, e cada empresa que investir no mesmo terá uma linha de crédito de até US$ 21,8 bilhões. Até 2018 o governo chinês pretende levantar nada menos do que 174 bilhões de trumps.


Voltando à nossa mediocridade, é público e notório que os links de Internet (principalmente os externos) brasileiros estão sobrecarregados e não é de hoje. Em vez de seguirem a chamada lógica capitalista e investirem para ampliar a infraestrutura para continuarem ofertando os seus serviços, as empresas tupiniquins cor…

A grande sacanagem do Yahoo

Imagem
Acredito que todos que não estavam com a cabeça enfiada em um buraco devem saber do vazamento gigantesco dos dados de mais de um bilhão de contas do Yahoo. Mas o pior nem é isto. O pior é que o vazamento foi em 2014 e apenas agora a empresa veio a público reconhecer o problema – e só o fez depois que algumas pessoas que tinham conta no Yahoo acharam os seus dados à venda em sites nada confiáveis.
O Yahoo tentou usar a mesma tática do nosso ex-presidente e disse que não sabia do ocorrido, o que ficou ainda mais feio – como poderia uma grande empresa de tecnologia sofrer um ataque destes sem notar nada? Mas infelizmente o Yahoo não é exceção: muitas empresas são negligentes e irresponsáveis com o bem mais preciso dos seus clientes, os seus dados pessoais. A cada novo cadastro que fazemos o risco de vermos nossas informações irem parar em locais tenebrosos aumenta exponencialmente, o que é de arrepiar.
E pensar que o Yahoo no auge chegou a rivalizar com o Google, mas sucessivas e desast…

Firefox: Hasta la vista, Windows Vista (e o XP também)!

Imagem
Se você ainda utiliza o Windows Vista ou o XP, outra má notícia: previsto para sair em março de 2017, o Firefox 53 não mais suportará estas versões do Windows - o aplicativo da Mozilla era a última opção de navegador moderno aos utilizadores destes sistemas operacionais, visto que o Chrome abandonou o barco desde abril deste ano
Vale lembrar que o Windows XP não tem mais suporte oficial desde abril de 2014 enquanto que o polêmico Vista terá o suporte encerrado em abril do ano que vem.


O lado bom é que o Firefox 52 terá suporte estendido e receberá atualizações de segurança até o primeiro semestre de 2018, sendo com certeza ainda a melhor opção de navegador aos que não desapegaram do XP principalmente (o Vista jamais foi um sucesso de público).
Veja também: Guia de sobrevivência para usuários do Windows XP

Verdade absoluta (2)

Imagem
(Outra das poucas coisas realmente interessantes que já recebi pelo ZapZap).


Humildemente sugiro apenas duas mudanças ao autor desta bela imagem:
De "Nóis usava MSN" para "Nóis usava ICQ". De "Nóis usava Orkut" para ""Nóis usava IRC".
No mais, simplesmente perfeito. Somente quem viveu esta época conhece o drama que era quando a conexão discada caía e não era possível conseguir nova conexão pois todas as linhas do provedor estavam ocupadas. Ou ainda ter que formatar o disco rígido e fazer backup em disquetes usando o ARJ, que facilmente enchiam uma caixa de sapatos, e na hora de restaurar o backup rezar para não dar pau em nenhum disquete (a mensagem do MS-DOS "Erro de leitura ao ler a unidade A:" é uma das mais traumáticas que existem).
Falando em ARJ, lembro-me até hoje da sua sintaxe:
ARJ A -VA -RA A:NOME.ARJ
Este comando faz a compactação dos arquivos presentes em dado diretório para o disquete. Quando o mesmo enchia, era soli…

Os bloqueios do Whatsapp demonstram uma ignorância atroz (2)

Imagem
Não é possível. Pela terceira vez em menos de um ano, o ZapZap será bloqueado no Brasil por supostamente não colaborar com uma investigação. A ordem desta vez partiu da comarca de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro. 
Quer saber o que eu penso sobre esta grande hipocrisia? Leia a postagem que fiz na ocasião do segundo bloqueio ao aplicativo, no início de maio. Não conseguem nem bloquear o sinal de celular nas penitenciárias e ficam enchendo a nossa paciência. Coisa de paíszinho medíocre.

EDIT: O STF mandou suspender o bloqueio no final da tarde. O serviço deverá voltar a funcionar gradativamente, conforme as operadoras forem notificadas.

Que vergonha, Zuck!

Imagem
O vazamento de dados do Linkedin trouxe uma revelação no mínimo inusitada. Pelo visto o nosso querido Zuck não toma muito cuidado com as suas senhas pessoais: a senha que ele utilizava no Linkedin, Twitter e Pinterest era a mega-ultra complexa.... dadada. Isso mesmo, dadada. Nos três serviços. 

Casa de ferreiro, espeto de pau. Fico imaginando a senha da conta do Falsebook dele... se não for dadada, aposto em algo como dedede ou ainda dididi. Corram antes que ele mude a senha (para dududu).

Verdade absoluta

Imagem
(Uma das poucas coisas realmente úteis que já recebi pelo ZapZap). Se você acha um absurdo levar mais de uma hora para baixar um jogo no Steam, saiba que em um passado não muito distante as coisas eram assim:


Quer saber como seria utilizar uma conexão discada nos dias atuais? Recomendo a leitura desta série:
Nos anos 1990, as conexões eram assim (Parte 4 – Configurando e utilizando uma conexão discada) Nos anos 1990, as conexões eram assim (Parte 3 – Configurando um modem discado) Nos anos 1990, as conexões eram assim (Parte 2 – Os provedores) Nos anos 1990, as conexões eram assim (Parte 1 – Hardware e curiosidades)