Apresentando a minha coleção de placas mãe

Depois de ter compartilhado com os meus queridos leitores as minhas coleções de processadores, módulos (e chips) de memória e de placas de vídeo, chegou a hora de apresentar a vocês a minha pequena coleção de placas mãe. Algumas delas foram minhas e são sobras dos meus upgrades, enquanto que outras me foram doadas ou mesmo adquiridas. Lembro ainda que principalmente no caso das placas mais antigas é realmente difícil identificar o fabricante ou maiores informações, desta forma irei atualizando esta postagem conforme for obtendo maiores detalhes. Façam uma boa viagem pela história dos PCs!

EDIT 03/12/2014: inclusão da placa AMD 80386 DX de 40 MHz.


EDIT 13/10/2015: novo layout, inclusão das placas 8088, 80286 Harris 25 Mhz, 80386 DX 40 Mhz e AsRock G41C-GS (soquete LGA 775).




8088

Placa mãe XT zero bala, equipada com processador AMD 8088. Lindona!

















NEC V20

Placa mãe baseada no processador NEC V20 (que é um clone do Intel 8088). Como o barramento externo deste processador é de 8 bits esta placa possui apenas slots ISA também de 8 bits. Suporta chips de memória no formato DIP. Esta é a placa mãe do meu XT da Reserva de Mercado



80286

Placa baseada no processador 80286 (aqui um fabricado pela Harris), o qual é um processador de 16 bits inclusive no barramento externo. Possui slots ISA de 8 e 16 bits e suporta chips de memória nos formatos DIP e SIPP. 




Esta é equipada com um processador Harris de 25 MHz. Zero bala!






















80386

Placa baseada no processador 80386 SX (aqui um fabricado pela AMD), o qual é um processador de 32 bits porém com barramento externo de 16 bits. Possui slots ISA também de 16 bits e suporta módulos de memória SIMM-30. Notem também o grande soquete vazio para a instalação do coprocessador matemático 80387 SX.


Placa baseada no processador AMD 80386 DX de 40 MHz.



Outra placa com o 80386 DX de 40 MHz, porém com soquete para o coprocessador aritmético.






















Soquete 3

Placa soquete 3 para os processadores 80486 baseada no chipset Via 82C486A. Suporta tanto memórias SIMM-72 e SIMM-30, com slots VLB e ISA, de 16 e 8 bits.




Soquete 3 para os processadores 80486 baseada no chipset UMC UM8498F. Suporta tanto memórias SIMM-72 e SIMM-30, com slots VLB e ISA de 16 bits.




Uma das últimas gerações de placas Soquete 3 para 80486, contanto já com suporte ao barramento PCI bem como também com diversos circuitos onboard (que antes faziam parte das clássicas placas controladoras Super I/O), tais como as portas IDE, de disquete, serial e paralela. Suporta módulos SIMM-72 e além dos PCI oferece também slots ISA de 16 bits.




Soquete 7

A placa BCM SQ591 é uma das primeiras gerações de placas Soquete 7 baseada no chipset Intel 430VX. Suporta memórias SIMM-72, slots PCI e ISA de 16 bits. É compatível com os processadores Intel Pentium e Pentium-MMX, AMD K5 e K6, e os Cyrix 6x86 e MII.





Asus P5S-B  já é uma placa Super 7, as quais são placas Soquete 7 capazes de operar com o barramento externo em 100 MHz. Possui chipset SiS 530 e suporta memória SDR-SDRAM em módulos DIMM-168, slots PCI e ISA de 16 bits. É compatível com os processadores Pentium, Pentium-MMX, K5, K6, K6-2, K6-III, 6x86 e MII.




Asus P5A foi um objeto de desejo na época por ser uma das primeiras placas Super 7 com suporte ao AGP. Conta com o chipset Ali Aladdin V e suporta memória SDR-SDRAM em módulos DIMM-168, slots PCI e ISA de 16 bits (além do AGP 2X). É compatível com os processadores Pentium, Pentium-MMX, K5, K6, K6-2, K6-III, 6x86 e MII.




Soquete 8 (Intel)

O Soquete 8 foi feito especificamente para os processadores Pentium Pro. A Soyo 6FA conta com chipset Intel 440FX e suporta memórias SIMM-72 e DIMM-168 (porém com chips EDO e não SDR-SDRAM), slots PCI e ISA de 16 bits.




Slot 1 (Intel)

Na transição do Pentium e Pentium-MMX para o Pentium II a Intel abandonou o formato de soquete e criou o proprietário Slot 1, onde os processadores tinham formato de cartucho (muito parecidos com os cartuchos de videogames antigos). A PC-Chips M747 (também conhecida como BXPro) foi uma placa Slot 1 de baixo custo bastante popular, baseada no chipset SiS 600. Suporta memórias SDR-SDRAM (DIMM-168), slots PCI e ISA de 16 bits. É compatível com os processadores Celeron, Pentium II e Pentium III Slot 1 com frequência externa de 100 MHz. Como curiosidade, processadores Soquete 370 podiam ser instalados em placas Slot 1 com o uso de um pequeno adaptador.





A Gigabyte GA-6BXE conta com o chipset Intel 440BX, considerado por muitos com o melhor lançado para as placas Slot 1. Suporta memórias SDR-SDRAM (DIMM-168), AGP 2X, PCI e ISA de 16 bits. É compatível com os processadores Celeron, Pentium II e Pentium III Slot 1 com frequência externa de 100 MHz. 




Slot A (AMD)

O Slot A foi a contraofensiva da AMD para o Slot 1 da Intel. Marcou o lançamento dos primeiros processadores Athlon no formato de cartucho. A Asus K7M foi uma das primeiras Slot A a chegarem ao mercado, baseada no chipset AMD 750. Suporta memórias SDR-SDRAM (DIMM-168), AGP 2X, PCI e ISA de 16 bits.





Soquete 370 (Intel)

O Soquete 370 marcou a volta dos processadores Intel para o formato de soquete. A Intel D815EEA2 é baseada no chipset Intel 815 com suporte para memórias SDR-SDRAM (DIMM-168), AGP 4X e PCI. É compatível com os processadores Celeron e Pentium III.




A Asus TUV4X conta com o chipset Via Apollo Pro 133T, considerado o melhor chipset para o Soquete 370 em termos de recursos. Suporta memórias SDR-SDRAM (DIMM-168), AGP 4X e PCI. É compatível com os processadores Celeron e Pentium III.




Soquete A ou 462 (AMD)

O soquete A marcou o lançamento dos Athlon em formato de soquete. A Asus A7V-E foi uma das placas mãe que mais me deu dores de cabeça (ela tinha problemas crônicos nas suas portas PS/2) e é baseada no chipset Via KT133E. Suporta memórias SDR-SDRAM (DIMM-168), AGP 4X e PCI. É compatível com os processadores Athlon Thunderbird e Duron com barramento externo de 200 MHz (100 MHz DDR).





A Asus A7V333 foi um grande clássico e a sua revisão 2.0 trazia o chipset Via KT333CF que possuía suporte extraoficial para o barramento frontal de 400 MHz (200 MHz DDR). Traz suporte para memórias DDR-SDRAM (DIMM-184), AGP 4X e PCI. É compatível com os processadores Athlon Thunderbird, Athlon XP, Duron e Sempron.




Esta é a Asus A7V600, que conta com o chipset Via KT600 o qual basicamente é um KT333CF com suporte oficial ao barramento frontal de 400 MHz (200 MHz) e ao AGP 8X, além do clássico PCI. Trabalha com memórias DDR-SDRAM (DIMM-184) e é compatível com os processadores Athlon Thunderbird, Athlon XP, Duron e Sempron.




A Asus A7N8X-X conta com o chipset Nvidia Nforce2 400, com suporte ao barramento externo de 400 MHz (200 MHz DDR) e ao AGP 8X, que é a última especificação do padrão. Traz suporte para memórias DDR-SDRAM (DIMM-184), o já citado AGP 8X e o PCI. É compatível com os processadores Athlon Thunderbird, Athlon XP, Duron e Sempron.




A Chaintech é uma saudosa fabricante de placas mãe, cujo modelo 7NJL1 conta com o chipset Nvidia Nforce2 400 Ultra, considerado como o melhor chipset lançado para o Soquete A sendo também o primeiro a suportar o método de acesso à memória em dois canais (o dual channel). Suporta memórias DDR-SDRAM (DIMM-184) em dois canais, AGP 8X e PCI. É compatível com os processadores Athlon Thunderbird, Athlon XP, Duron e Sempron.




Soquete 423 (Intel)

O soquete 423 abrigou os primeiros modelos do Pentium 4. Esta placa Intel é baseada no chipset Intel 850, o qual suporta as infames memórias Rambus RDRAM (RIMM-184), o barramento frontal de 400 MHz (100 MHz QDR, ou quatro transferência por pulso de clock), AGP 4X e PCI.




Soquete 478 (Intel)

O soquete 478 suportou a segunda e terceira gerações dos processadores Pentium 4 e os Celeron equivalentes. A Asus P4P800-MX é uma placa de baixo custo com o chipset Intel 865G, o qual suporta memórias DDR-SDRAM (DIMM-184) em dois canais, barramento frontal de 800 MHz (200 MHz QDR), AGP 8X (que não é oferecido na P4P800-MX) e PCI.





A Asus P4P800 é considerada uma das melhores placas Soquete 478. Conta com o chipset Intel 865PE, o qual suporta memórias DDR-SDRAM (DIMM-184) em dois canais, barramento frontal de 800 MHz (200 MHz QDR), AGP 8X e PCI.




Soquete 754 (AMD)

O Soquete 754 marcou a estreia dos processadores Athlon 64 e Sempron equivalentes. A ECS K8M800-M2 conta com o chipset Via K8M800, o qual suporta memórias DDR-SDRAM (DIMM-184), AGP 8X e PCI.





Soquete 939 (AMD)

O Soquete 939 apresentou a segunda geração dos processadores Athlon 64 e Sempron equivalentes. A Asus A8V conta com o chipset Via K8T800 Pro com suporte às memórias DDR-SDRAM (DIMM-184) em dois canais, AGP 8X e PCI.
























Soquete 775 (Intel)

O Soquete 775 suportou os últimos modelos dos Pentium 4 e marcou a transição para a geração Core 2. A Gigabyte EP45-UD3L conta com o chipset Intel P45 que é o topo de linha da plataforma. Suporta memórias DDR2-SDRAM (DIMM-240) em dois canais, PCI Express 2.0 (com um slot x16 e quatro x1) e PCI. É compatível com os processadores Core 2 Duo, Core 2 Quad, Pentium e Celeron equivalentes e foi a primeira placa mãe do PC de testes





A Asus P5KPL-AM conta com o chipset Intel G31. Suporta memórias DDR2-SDRAM (DIMM-240) em dois canais, PCI Express 1.1 (com um slot x16 e um x1) e PCI. É compatível com os processadores Core 2 Duo, Core 2 Quad, Pentium e Celeron equivalentes. Foi a primeira placa mãe do PC Linux.




A AsRock G41C-GS conta com o chipset Intel G41 e suporta módulos de memória DDR2 e DDR3. É a atual placa mãe do PC de Testes.



















Soquete AM2 (AMD)

O Soquete AM2 marcou a introdução da terceira geração dos processadores Athlon 64, além dos Sempron equivalentes. A ECS GeForce 6100SM-M conta com o chipset Nvidia Nforce 405, o qual suporta memórias DDR2-SDRAM (DIMM-240) em dois canais, PCI Express 1.0 (com um slot x16 e um x1) e PCI.





Soquete AM3+ (AMD)

O Soquete AM3+ marcou a estreia dos processadores da linha FX da AMD. A Gigabyte 78LMT-S2P conta com o chipset AMD 760G, o qual suporta memórias DDR3-SDRAM (DIMM-240) em dois canais, PCI Express 2.0 (com um slot x16 e um x1) e PCI. 





Soquete 1155 (Intel)

O Soquete 1155 comporta a segunda e terceira gerações dos processadores da linha Core i3, i5 e i7, além dos Pentium e Celeron equivalentes. A Gigabyte Z68X-UD3-B3 atualmente é a placa mãe do meu servidor pessoal e  conta com o chipset Intel Z68, com suporte à memórias DDR3-SDRAM (DIMM-240) em dois canais, PCI Express 2.0/3.0 (com um slot x16, um x16@x8 e três x1) e PCI.





Gigabyte Z77X-UP7  conta com o chipset Intel Z77, o qual é o topo de linha da plataforma Soquete 1155. Com suporte a memórias DDR3-SDRAM (DIMM-240) em dois canais, PCI Express 2.0/3.0 (com três slots x16, dois x16@x8 e dois x1 – ela conta também com um chip chaveador PCIE). É compatível com a segunda e terceira gerações dos processadores da linha Core i3, i5 e i7, além dos Pentium e Celeron equivalentes. É a placa mãe do meu PC principal



Comentários

  1. Boa Tarde !
    Me Chamo Maurício e também coleciono placa mães, verdadeira droga para min , pena que ganho muito pouco kk
    Tenho algumas ilustres como Asus CUV4X-E e sua irmã maior CUV4X-DLS ,tenho Intel acho que SAI2 , Aopen Dx34r ,SuperMicro P3DDR (Achei incrível uma placa mãe Socket 370 suportar DDR400 !).Sou louco pelas Soyo tenho KT333,KT400 e KT600, tenho duas Socket 939 as famosas A8n sli Premium e uma Dfi LanParty nforce4 ultra D e uma socket am2 m2n deluxe.Aliais sabe onde encontro Pentium III 1.4 ghz.
    Desculpe os erros ortográficos
    Email junin663@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, soquete 370 com DDR é mosca branca de olhos azuis! O meu PIII 1,4 GHz comprei no Mercado Livre há uns dois anos atrás, lembro que paguei algo em torno dos 30 reais + frete, uma verdadeira pechincha!

      Excluir
    2. Venho informar que consegui comprar 1 par de Pentium III 1.4 Ghz e fiz conjunto com a P3TDDR.Levou só um ano kkk

      Excluir
  2. Bom dia! Cara... muito legal suas placas. Parabéns! Eu também tenho alguma coisa aqui em casa... Estou começando a minha coleção, mas garimpar no Mercado Livre nem sempre é prazeiroso ou cofiável.

    Seguinte: Eu montei recentemente um Pentium MMX 233 com a motherboard P9100. Estava usando uma placa de vídeo Diamond Stealth 64 Video 2001 Pci 1+3 - Uma ótima placa, mas em 1024 x 768 não suporta 32 bits de cor.

    Pesquisei alguma placa PCI decente para substitui-la e encontrei uma placa ATI RV100 DDR 7000 com 32MB. Chegando a placa eu instalei no slot PCI que estava a antiga Diamond e NADA - Zero vídeo. Testei a ATI em um Dell Core2Duo e verifiquei que a placa estava com a imagem toda bagunçada - Problema na RAM!

    Reforcei a solda e coloquei denovo no Dell - Imagem 100% limpa!

    Hora de voltar ao Pentium MMX - Reinstalei e... NADA! Agora estou pensando o que pode estar acontecendo, uma vez que testei a placa de vídeo e está OK, mas no Pentium MMX não funciona.

    O que você acha que pode ser? Estou desconfiando que pode ser o FSB da motherboard que eu acho que é baixo. Deve ser de 66MHz. Vou ver se consigo subir para pelo menos 100MHz...

    Alguma dica?

    Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não creio que seja o FSB, e aumentar para 100 MHz (caso a placa mãe não seja Super 7) só vai piorar pois a frequência do PCI vai ficar muito fora dos 33 MHz padrão.
      Não funciona em nenhum slot? A fonte está boa? A placa mãe apita indicando a falta de placa de video?

      Excluir

Postar um comentário