Apresentando a minha coleção de placas de vídeo

Saudações a todos! Nesta postagem apresentarei a minha coleção de placas de vídeo e uma breve descrição de cada uma bem como com as minhas impressões pessoais. Tenham uma boa leitura!

EDIT 05/12/2014: adicionadas as placas ISA Cirrus Logic e Oak, além da UMC VESA Local Bus (VLB).
EDIT 13/10/2015: novo layout e inclusão do arranjo 3-Way SLI.

Placas ISA

Trident 8900D: comprei esta placa para utilizá-la especificamente com o querido XT, visto que apesar dela ser uma placa ISA de 16 bits também é capaz de funcionar em slots de 8 bits configurando-se os seus jumpers. Ela é VGA (16 cores) com 512 KB de VRAM.




WDC 90C30: além de fazer discos rígidos, vocês sabiam que a Western Digital também fabricou chips e placas de vídeo? Esta placa funciona apenas em slots ISA de 16 bits, segue o padrão VGA e conta com 512 KB de VRAM.




Cirrus Logic GD5401: alguém se lembra da clássica fabricante de chips Cirrus Logic? :-)




Oak Technology OT1087: outra clássica fabricante de chips para dispositivos multimídia.



Placas VLB

UMC UM85C: conta com 1 MB de memória de vídeo. Como trata-se de uma placa VESA Local Bus (VLB), veja o tamanho da criança! :-)




Placas PCI


3dfx Voodoo2: sem dúvida um grande clássico dos anos 1990, sendo o chip gráfico que mostrou que o PC também podia ser uma máquina de jogos de alta qualidade em conjunto com a API Glide. Como curiosidade, o chip Voodoo2 é apenas 3D, desta forma as placas baseadas nele devem funcionar em conjunto com outra placa 2D tradicional. Conta com 8 MB de VRAM.







Trident 9440: este foi um dos primeiros chips gráficos a suportar o barramento PCI. Esteve bastante presente em conjunto com os últimos 80486 e os primeiros Pentium. Possui 1 MB de VRAM.




Trident 9680: evolução de 9440, também foi bastante popular. Conta com 1 MB de VRAM.




S3 Vision968: o que dizer dos inesquecíveis chips S3? Eram o topo de linha em desempenho 2D nos anos 1990 e todo PC de alto desempenho da época ostentava um exemplar da S3. Esta placa foi produzida pela também clássica Diamond e conta com 2 MB de VRAM. Infelizmente a S3 perdeu a mão quando a era de chips 3D surgiu e foi lentamente agonizando até ser comprada pela Via no início dos anos 2000 a troco de pinga.



Nvidia Riva TNT2 M64: foi a minha primeira placa de vídeo 3D de verdade. Os chips gráficos TNT2 disputavam a ponta da tabela com as Voodoo3 no final dos anos 1990, sendo que os M64 eram variações mais econômicas do TNT2 que possuíam a interface com a memória de 64 bits. Esta placa foi produzida pela Creative e conta com 32 MB de VRAM.




Placas AGP

Trident 3DImage 9750: este foi um dos primeiros chips "3D" da Trident em versão AGP (no caso, AGP 2X). Apesar de possuir algumas funções de aceleração em Direct3D e OpenGL a performance era muito pobre para qualquer uso mais sério em jogos e aplicações 3D. Conta com 8 MB de VRAM.




Nvidia GeForce2 MX400: os chips GeForce2 eram muito desejados lá pelos idos de 2002, porém também caros. Os MX eram versões mais baratas destes chips com menor número de unidades de processamento de texturas e limitações na interface com a memória. Esta placa, fabricada pela Visintek, foi a minha primeira AGP (sendo AGP 4X) e conta com 64 MB de VRAM.




Nvidia GeForce3 Ti: lançado em 2001, o GeForce3 foi um clássico por ter sido o pioneiro a suportar o recurso de Pixel Shader oferecido pelo DirectX 8, que melhora bastante o realismo das imagens. Esta placa é da Asus e a comprei usada em 2003 para substituir a minha MX400. Conta com 64 MB de VRAM e é AGP 4X.




Nvidia GeForce4 MX440: a série MX das GeForce4 foi uma grande decepção na época pois não suportavam o Pixel Shader, sendo praticamente uma GeForce2 "turbinada". Esta placa é da MSI, conta com 64 MB de VRAM e é AGP 4X.




Nvidia GeForce4 Ti4400: esta sim era a GeForce4 "completa" (com suporte aprimorado ao Pixel Shader), sendo um dos chips gráficos mais desejados do início do século. Infelizmente esta placa, feita pela MSI, me foi doada "no estado" e não dá mais sinal de vídeo.




Nvidia GeForce 6600: o chip 6600 foi um grande clássico lá pelos idos de 2004 já possuindo suporte ao DirectX 9. Foi a minha última placa AGP (é AGP 8X) e conta com 128 MB de VRAM. Fabricada pela Leadtek.




Nvidia GeForce 6600 GT: topo de linha da sua época. AGP 8X, conta com 256 MB de VRAM e é fabricada pela XFX. Me foi doada "no estado" e não dá mais sinal de vídeo.




Nvidia GeForce 7600GS: foi um dos últimos chips gráficos da Nvidia a ser lançado para o barramento AGP. É compatível com o DirectX 9c e conta com 256 MB de VRAM.




Placas PCI Express

Nvidia GeForce 9600GT: foi a minha primeira placa de vídeo PCI Express, lá pelos idos de 2008. O chip 9600 é compatível com o DirectX 10 e conta com 512 MB de VRAM, sendo PCIE 2.0. A placa é fabricada pela XFX. Me diverti bastante com ela.




AMD Radeon HD 5770: chip gráfico inermediário da família HD 5000, que foi a primeira série da AMD a suportar o DirectX 11. Conta com 1 GB de VRAM e é fabricada pela XFX.




Nvidia GeForce GTX 650Ti: chip intermediário da família GTX 600, permite rodar praticamente qualquer título atual com uma qualidade gráfica satisfatória. É PCIE 3.0 e conta com 2 GB de VRAM, sendo fabricada pela EVGA. No especial sobre o processador AMD FX-6300 mostrei alguns resultados obtidos com esta plaquinha.




Nvidia GeForce GTX 760 3-Way SLI: o 760 é uma versão intermediária da família GTX 700, mas que quando é integrado em um arranjo SLI ou 3-Way SLI se torna um conjunto matador! As placas de cima são as Gigabyte Windforce 3X e a inferior é a MSI Twin Frozr. Todas contam com 2 GB de VRAM e interface PCIE 3.0.
















Espero que tenham gostado! Abração e até a próxima!

Comentários

  1. muito legal... tenho algumas dessas tbm... parabéns

    ResponderExcluir
  2. Olá, muito bacana seu acervo, eu não sou colecionador mas admiro e gosto de ver essas raridades. Estou com uma placa de vídeo PCI que talvez possa lhe interessar ou a outra pessoa que conheça, e como não coleciono, acho que se ela encontrar um dono que de o devido valor a ela será válido. Bom é uma placa pci dupla fabricada pela Imagraph em 1997 e está em perfeito funcionamento, não tenho muita informação sobre ela, as informações que tenho foi através de dois únicos anúncios que encontrei no Ebay e na web pelas minhas pesquisas não encontrei algo satisfatório. Dentro do meu pouco conhecimento, posso estar errado sobre a raridade da placa, porem até imagens dela foi difícil de encontrar. Coloquei ela a venda no mercado livre, é só procurar por placa de vídeo pci - produto vintage. Obrigado e parabéns pelo site e coleção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário! Vou dar uma olhada lá. Abraço!

      Excluir
  3. Ok amigo, obrigado pela atenção, caso a placa seja de seu interesse estou aberto a propostas ok. Um abraço e mais uma vez parabéns pelo site.

    ResponderExcluir
  4. Você já cogitou comprar placas para colecionar? Ou quem sabe, usá-la e então pendurar na parede.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pior que antes de eu resolver fazer o Blog eu tinha muitos componentes pendurados na parede... :p
      Depois resolvi deixá-los melhor guardados para evitar danos. Algumas das placas eu comprei para compor as minhas configurações antigas tais como as placas ISA, VLB, algumas PCI e AGP.

      Excluir
  5. Recentemente comprei uma GTX 295 por 250 achando barato, mas aí fui descobrir que ela só tem 896MB de memória. Então acabou sendo o preço normal (ou deveria ser).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O maior problema das GTX 295 é o fato de ser DX10 - isto limita muito mais o uso da placa do que propriamente a quantidade de VRAM.

      Excluir
    2. A placa-mãe em que vou usá-la é a P5QC. Contatei a ASUS e disseram que ela não vai dar suporte ao Windows 10 (nem vão disponibilizar os drivers), então é tela azul na certa. Ficaria sem DX10 de uma forma ou de outra.

      Excluir
    3. Não necessariamente. A minha máquina de testes do Windows 10 é baseada na placa mãe Gigabyte EP45-UD3L que é muito similar à Asus P5QC (é baseada no mesmo chipset, o P45, só não aceita memórias DDR3 como a Asus - veja aqui: http://www.michaelrigo.com/2014/10/aquecimento-windows10-maquina-testes.html) e a placa de vídeo é uma GeForce 9600 GT, bem mais antiga do que a GTX 295. Igualmente não há drivers para Windows 10, porém os drivers para Windows 7 e 8.X funcionaram perfeitamente no Windows 10, sem registros de instabilidade. Também o próprio 10 já vem com uma boa coleção de drivers nativos.

      Excluir
    4. Se os drivers do 7 funcionam no 10 então está tudo bem.

      A máquina dava tela azul direto, e eu sei que por causa da placa-mãe, já que todos reclamam dela. Foi só instalar o driver de rede do CD, o de chipset e outros do site que parou. Acredito que nem todos os drivers o Windows encontrava sozinho.

      Excluir
  6. Chegou mais uma para a coleção!

    http://i.imgur.com/5VDnmpV.jpg

    Ah, veja a descrição do perfil dele, é muito engraçado.
    http://steamcommunity.com/id/fox-ratao/

    ResponderExcluir

Postar um comentário