Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Overclock

Um gás extra para o Ryzen 7 2700X

Imagem
Consegui atingir 4,32 GHz com estabilidade no meu Ryzen 7 2700X. O que estava segurando o overclock eram os módulos de memória.



Conforme escrevi na postagem sobre o overclock do 2700X, eu não havia passado dos 4,22 GHz com o mesmo. Porém decidi fazer um teste: reduzi a frequência da RAM de 2800 para 2666 MHz e assim foi possível chegar a bons 4,32 GHz com a tensão de 1,4 V apenas.

Realmente a controladora de memória dos processadores Ryzen é muito sensível a módulos double rank, como os dois de 16 GB que equipam o meu PC. Segundo a AMD, nesta situação a frequência máxima oficial é de apenas 2133 MHz (veja mais detalhes aqui), assim com os módulos rodando a 2800 MHz a estabilidade do sistema como um todo era prejudicada, o que refletia no potencial de overclock. Com 2666 MHz ficou perfeito.
Em breve publicarei uma nova bateria de benchmarks, para ver se houve algum ganho.

AMD Ryzen 7 2700X: overclock e benchmarks

Imagem
Chegou a hora do Ryzen 7 2700X ser levado ao limite, além de também ser exaustivamente testado e comparado com o antecessor 1700. Confira!

PC ostentação

Imagem
Um youtuber montou um PC de 30 mil euros, ou cerca de 130 mil reais pela cotação de hoje. Em um PC desses com certeza os jogos podem ser rodados com tudo no “talo” a 150 quadros por segundo, não é? Não. Infelizmente não é bem assim que a coisa funciona. Entenda aqui o motivo.

CPU Wars: Intel Pentium MMX versus AMD K6 (Overclock)

Imagem
Chegou a hora de exigir um pouco mais do AMD K6. Veja o quanto ele conseguiu atingir em overclock e como se compara com o arquirrival Pentium MMX nos benchmarks!

Zen versus Zen+

Imagem
Com os primeiros reviews dos Ryzen 2000 publicados, decidi fazer uma breve comparação do modelo 2700X com o meu bravo 1700 em overclock para ver se vale a pena fazer o upgrade.

Rebuild #2: o meu PC dos sonhos em 1998 (Parte 5 – Pentium MMX Super 7 – Benchmarks)

Imagem
Finalmente o Pentium MMX turbinado foi colocado à prova nos benchmarks. Não perca tempo e confira os resultados!

Rebuild #2: o meu PC dos sonhos em 1998 (Parte 4 – Pentium MMX Super 7)

Imagem
E se a Intel tivesse aderido ao padrão Super soquete 7? Confira aqui esta viagem histórica!



AGESA 1.0.0.6: nenhuma melhoria prática

Imagem
Finalmente atualizei o firmware da placa mãe ASRock Fatal1ty X370 Gaming K4 para a novíssima versão do bootstrap da AMD. Porém nada mudou.



Desde que a AMD lançou a versão 1.0.0.6 do AGESA (AMD Generic Encapsulated Software Architecture) muito se dizia Web afora que esta versão trazia diversas melhorias para os sistemas Ryzen, principalmente no que tange à compatibilidade e capacidade de overclock dos módulos de memória.
Assim decidi proceder com a atualização e baixei o firmware na versão 3.00 do site da ASRock, que traz o AGESA 1.0.0.6a. O processo de atualização é bastante simples: basta copiar a imagem do firmware em um pendrive formatado em FAT ou FAT32 e acionar a opção “Instant Flash” na aba Tool do Setup. 

Porém esta nova versão do firmware com o AGESA atualizado não me proporcionou um mísero MHz a mais tanto no overclock do processador quanto das memórias. Sobre estas, já vi em alguns reviews que os módulos Kingston HyperX Fury DDR4-2133 conseguem atingir 3000 MHz sem grandes…

Utilizando o Windows Vista com um hardware moderno #2

Imagem
Confira mais detalhes sobre a operação do Windows Vista em um hardware moderno, assim como alguns comparativos de desempenho. Será que ainda é possível usar o Vista nos dias atuais?

Unboxing e primeiras impressões: Cooler Deep Cool Ice Edge Mini FS 2.0

Imagem
Conheça a solução de refrigeração de baixo custo e de dimensões reduzidas da Deep Cool. Será que é uma boa opção de compra?

Rebuild #1 – Benchmarks com a placa de vídeo S3 e atualizações

Imagem
Não, a Rebuild #1 não está morta! Após um hiato de alguns meses na série sobre a remontagem do 80486 DX4 de 100 MHz, trago os benchmarks com a placa de vídeo S3 Vision968 bem como algumas outras atualizações. Confiram!

Especial Ryzen: Overclock e Benchmarks

Imagem
Chegou a hora da verdade. Agora o AMD Ryzen 7 1700 será testado em overclock e comparado ao seu antecessor, o Intel Core i7 3770K. Confira!

Intel: não façam overclock!

Imagem
Esta é a simplista recomendação da Intel, após muitas reclamações de que os Core i7 7700K estavam esquentando demais em overclock.


Qual é o motivo de comprar um processador Intel modelo "K" se não for para fazer overclock, isto é, colocá-lo para rodar em uma frequência superior à nominal? Tais modelos tem como grande diferencial o fato de contarem com o multiplicador de frequência desbloqueado, o que facilita enormemente o procedimento - a Intel, é claro, cobra a mais por tal privilégio, sem falar que você também deve ter uma placa mãe com chipset da série "Z", também mais caras.
Pois bem, no fórum oficial da Intel há muitas reclamações de que os processadores Core i7 7700K estariam aquecendo muito em overclock. Um relato aponta que o processador chega a atingir 93 ºC (sendo que a temperatura máxima admissível no processador é de 100 ºC, segundo a Intel) rodando a 4,9 GHz, apenas 700 MHz acima da frequência padrão do processador que é de 4,2 GHz.
A resposta de um f…

Utilizando o Windows Vista com um hardware moderno

Imagem
Quando foi lançado em janeiro de 2007, o Vista era considerado um devorador de hardware. Muitos diziam que o sistema estava muito à frente da tecnologia da sua época, e para colocar isto à prova avaliarei o sistema com uma configuração muito mais avançada em relação às que haviam há dez anos. Será que o Vista foi um sistema realmente injustiçado? Confira!

CPU Wars: Intel Core i7 3770K versus AMD Ryzen 7 1700

Imagem
Ao contrário da mesmice de muitos outros laboratórios que insistem em comparar os novos processadores da AMD com o Core i7 7700K, eu decidi fazer algo mais no estilo deste espaço e chamei o bravo 3770K para mais um desafio. Confira!

Eis os benchmarks e overclock das GeForce GTX 1070 em SLI

Imagem
Como diria aquele velho deitado, antes tarde do que mais tarde ainda. Mas o que importa é que finalmente consegui concluir os testes com as duas GTX 1070, assim não perca tempo e confira aqui todos os resultados, muitos dos quais surpreendentes!

Confira as dicas da AMD para melhorar o desempenho dos Ryzen em jogos

Imagem
A AMD publicou em seu blog oficial algumas dicas para melhorar o desempenho dos processadores Ryzen, principalmente em jogos. Algumas são velhas conhecidas nossas como atualizar o firmware das placas mãe, porém outras são mais ousadas. Confira:
Atualize o firmware da placa mãe
O velho procedimento de atualização de BIOS continua mais válido do que nunca, e conforme a AMD melhora tanto a performance quanto a estabilidade do sistema com uma CPU Ryzen.
Use módulos de memória mais rápidos
A AMD recomenda módulos que sustentem uma taxa de transferência de ao menos 3200 MT/s. Eis as combinações de memória suportadas pelos Ryzen (clique na imagem para ampliar):

Note que módulos DDR4-3000 e 3400 não são suportados.
Mude o plano de gerenciamento de energia
No Windows 10 altere o plano de “Equilibrado” para “Alto desempenho”, o qual desabilita a função Core Parking que coloca em modo de economia núcleos do processador ociosos, deixando desta forma todos os núcleos dos Ryzen sempre em prontidão. O…

Intel Core i7 7700K: resultados decepcionantes

Imagem
Como não estou na lista de recebedores de hardware para testes e tampouco tenho dinheiro para comprá-los, novamente pego emprestado um ensaio do ótimo site Clube do Hardware. A comparação desta vez é entre o topo de linha Core i7 7700K e os meus cacarecos velhos 3770K e 2500K. Confira!

Intel Core i5 7600K: resultados decepcionantes

Imagem
Como infelizmente não tenho o privilégio de receber hardware para testes e tampouco dinheiro para comprar tais componentes, apenas resta-me recorrer a testes feitos em outros laboratórios para tecer análises. Pois bem, nesta semana o Clube do Hardware do grande Gabriel Torres publicou um teste com o processador Core i5 7600K e decidi utilizar estes resultados para compará-lo com as velharias que tenho aqui, em algumas das suítes em comum. Posso adiantar que o moderno 7600K passou vergonha em várias situações. Confira!

O encontro de duas lendas: Intel Core i5 2500K e AMD Radeon HD 5970 (Parte 2 – Benchmarks e overclock da 5970)

Imagem
Nesta postagem a Radeon HD 5970 suou a camisa. Confira todos os detalhes aqui!