Estação de trabalho dedicada (e um banho de loja)

Decidi transformar definitivamente o meu PC em uma estação de trabalho dedicada com Linux, também atualizando alguns componentes.


A mudança mais significativa foi a placa de vídeo: após um período de testes decidi deixar a Radeon RX 590 em definitivo no lugar da GeForce RTX 2080 Ti. Como o único sistema operacional é o Linux (mais precisamente o Ubuntu 22.04 LTS – mais sobre ele adiante) optei por uma GPU AMD pelo suporte infinitamente melhor, principalmente ao Wayland (quem já usou não volta ao velho X.Org). Também adicionei um segundo monitor para otimizar o fluxo de trabalho, um simplório AOC 22” 1080p de 2010.

Houveram mudanças também em outros componentes, tais como o SSD principal, o kit de teclado e mouse e o áudio. Já o sistema de resfriamento “regrediu” e voltei a usar o velho e bom Corsair H100i que é plenamente suficiente, apenas com uma pequena modificação para remover a dependência do seu obsoleto software proprietário.

Quanto ao sistema operacional optei pela previsibilidade do Ubuntu 22.04 LTS, que passado quase um ano do seu lançamento está com uma solidez excelente. Fiz algumas pontuais modificações (não é essa a essência do software livre?) como a remoção completa do subsistema dos pacotes no formato Snap (o deixando muito próximo ao papai Debian), que mostrarei em uma vindoura postagem.

Enfim, as novas especificações e a montagem atualizada deste PC podem ser conferidas aqui.


E quanto aos componentes que “sobraram”, tais como a (ainda) poderosa 2080 Ti? Bem, aguardem as cenas dos próximos capítulos. 😁

Comentários

  1. Como conectar dois monitores? A placa de vídeo tem duas saídas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se a placa de vídeo não tiver duas saídas não tem como? Pode ser saída vga e dvi? Elas vão se interligar? Como duas telas juntas?

      Excluir
    2. Pode ser VGA e DVI sim. Mas se a placa de vídeo tiver apenas uma saída será necessário substituí-la por outra que tenha ao menos duas, ou então adicionar uma segunda placa de vídeo.

      Excluir
  2. Para mim o que tem funcionado para dar uma sobrevida para os notes velhos (1. Processador AMD e 4GB de RAM / 2. Core I3 e 8GB de RAM) é o Debian Linux 11! Mesmo porque o Ubuntu/Lubuntu 22.04 nem dá boot nos dois notes...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, o Debian é ótimo para isso! Veja um exemplo:

      https://www.michaelrigo.com/2022/03/thunderdeb.html

      Excluir
    2. Consegui instalar esse Ubuntu num PC de 2007 com 1gb de RAM, não sei o que tem de errado com o seu

      Excluir
    3. Não sei o porquê o Ubuntu não dá boot nos dois notes. Para micros mais antigos prefiro instalar Slackware ou Debian para personalizar melhor a instalação.

      Excluir

Postar um comentário

Mais lidas da semana