ASRock de volta à vida?

No ano passado eu tive um problema com uma placa-mãe ASRock Fatal1ty X370 Gaming K4 que eu usava em conjunto com o Ryzen. Passado mais de um ano, resolvi testar novamente a ASRock e veja no que deu!


Desde que apresentou problema há pouco mais de um ano (o que me fez comprar a Asus Prime X470-Pro) a ASRock ficou guardada em um canto isolada de qualquer fonte de energia, inclusive sem a bateria do CMOS. Neste último final de semana, achei a caixa dela ao reorganizar o laboratório e por pura curiosidade resolvi testá-la novamente.

Recapitulando, os problemas encontrados eram que a placa não desligava mais totalmente (alguns circuitos continuavam ligados, como as ventoinhas) e que perdia as configurações do Setup ao ser desligada, mesmo após trocar a bateria CR2032.

Pois bem, a placa aparentemente está “curada”: desliga perfeitamente (até fiz uma instalação rápida do Windows 10 para testar) e o Setup mantém os ajustes após o desligamento, logicamente que com uma bateria nova.

Realmente, tecnologia não é uma ciência exata, mas sim esotérica. 😨

Deixarei a placa em testes por mais algum tempo e, se os resultados forem satisfatórios, ela poderá retornar de forma triunfante em um novo projeto. 😎

Comentários

  1. Olá Michael.
    Os capacitores podem ter se descarregado completamente durante estas "férias" que a placa tirou. Mas podem ter outros fatores obscuros que nunca saberemos. Este é mais um dos mistérios do mundo, rs.

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, também acredito no "descarrego" dos capacitores. rsrs

      Excluir
  2. Mas que notícia maravilhosa, é igual achar dinheiro no bolso do casaco. Quem sabe a ASRock seja generosa e libere uma atualização e torne ela compatível com os Ryzen 3000. Tomara que essa ressurreição seja permanente, porque seria muita maldade com o coração do peão se ela voltasse ao céu das placas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa, tem uma atualização de firmware para ela com o AGESA 0.0.7.2, que traz compatibilidade com os Ryzen 3000. Que maravilha!

      Excluir
    2. E o bom é que essa placa tem um regulador de tensão de 12 fases, pode segurar até os monstros de 16 núcleos (pode? :D ).

      Excluir
  3. Eu já acho que todo mundo tem direito a umas férias, até uma placa mãe! 😀

    ResponderExcluir

Postar um comentário