Novidades do Windows 10 Build 9879

Nesta postagem irei compartilhar com vocês as principais novidades da mais recente versão de testes do Windows 10, o Build 9879. Sigam-me os bons!

EDIT 28/01/2015: saiu o Build 9926.

O modo Continuum

Sem dúvida a principal novidade deste Build é o modo Continuum, que é uma mescla entre o Menu Iniciar e a Tela Iniciar voltado para dispositivos híbridos.

Uma "mistureba" entre o Menu Iniciar e a Tela Iniciar: eis o modo Continuum

No Build 9879 o modo Continuum não vem ativado por padrão, para ativá-lo é necessário fazer uma alteração no registro do Windows. Para tanto, abra o utilitário Regedit:



Com o Regedit aberto, navegue até a chave:

HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Microsoft\Windows\CurrentVersion\ImmersiveShell\Launcher. 

Dentro da chave Launcher, crie um valor DWORD de 32 bits com o nome de UseExperience.



Agora altere o valor do item UseExperience de 0 para 1.



Para testar a novidade reinicie o processo Windows Explorer através do Gerenciador de Tarefas. Se preferir você pode reiniciar o próprio Windows.



Mas qual a razão do modo Continuum vir desabilitado por padrão? Pelo simples motivo de que neste Build 9879 ele está EXTREMAMENTE BUGADO! Assim sendo, quando você se cansar de brincar com ele e quiser o seu Menu Iniciar (ou a Tela Iniciar) de volta basta novamente inserir o valor 0 no item UseExperience e reiniciar o processo Windows Explorer.

Outras pequenas novidades

Na primeira delas, clicando com o botão direito do mouse sobre a barra de tarefas é possível ocultar os botões de pesquisa e o alternador entre as áreas de trabalho virtuais.



O ícone do menu de contexto das aplicações ModernUI também mudou:



O OneDrive (serviço de armazenamento de dados na nuvem da Microsoft) também está mais integrado no sistema, agora quando se entra com uma conta Microsoft que possua também uma conta OneDrive associada a mesma é automaticamente sincronizada. Deixo aqui uma humilde sugestão para a Microsoft, até mesmo como forma de evitar possíveis problemas judiciais similares ao que ela enfrentou quando integrou o Internet Explorer no Windows lá no final da década de 1990: oferecer também a opção de integração nativa com os principais serviços de armazenamento do mercado além do OneDrive, tais como o Google Drive e o Dropbox.



Finalmente, pelo menos no que é visível ao utilizador, as novidades desta última versão de testes do Windows 10 são bastante tímidas. Porém é perceptível que os programadores da Microsoft estão mais engajados na parte da maturação do sistema do que na implementação de novos recursos, visto que a cada novo Build o Windows 10 está mais "redondinho" em termos funcionais do sistema operacional. Resta saber se, nesta toada, será possível lançar o sistema na data prevista e com todos os recursos anunciados (como a assistente Cortana) ou se algumas destas novas funcionalidades serão “deixadas para trás”, como aconteceu com muitos dos recursos (lembram-se do sistema de arquivos WinFS?) que haviam sido prometidos para o Windows Vista.

Veja também:

Imagem ISO do Windows 10 Build 9879 disponível
Microsoft libera o Windows 10 Technical Preview Build 9860
Windows 10 Technical Preview: um passo sólido rumo à integração total

Comentários

  1. O sistema está agora virando um S.O próprio, deixando de lado somente aparência com o 8.1, e tendo seu próprio jeitão, isso realmente é muito bom.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem dúvida, na minha opinião o Windows 10 tem tudo para ser o melhor Windows já lançado.

      Excluir

Postar um comentário