Dicas Debian #8 – Tux Gamer

Nos últimos anos o Linux em geral tem evoluído muito na área de entretenimento, principalmente jogos. Mostro aqui como jogar no Debian, além do suporte a placas de vídeo Radeon. 🐧


Instalando o Steam

Goste-se ou não da Valve e do tio Gabe, é inegável que o impulsionamento dos jogos no Linux teve muita contribuição da empresa e assim o Steam é de longe a melhor alternativa. O instalador em formato DEB pode ser obtido diretamente no site oficial:


Inicialmente o software fará uma checagem dos requisitos e instalará os pacotes necessários:
Concluindo em seguida a instalação:



A mágica do Proton

A muito grosso modo, o Proton é uma camada de compatibilidade que converte as chamadas DirectX dos jogos para equivalentes Vulkan, permitindo que muitos títulos que antes eram exclusivos para Windows também rodem no Linux. O Proton pode ser habilitado nas configurações do Steam, pela opção Steam Play:


De fato, o Proton faz um trabalho muito bom, quase sobrenatural. Mostro o exemplo do jogo F1 2020 que originalmente suporta apenas DirectX rodando sem quaisquer problemas de desempenho no Debian, como podemos observar na contagem dos quadros por segundo (um desempenho similar ao obtido no Windows com o mesmo PC). Claro que para tal resultado os drivers para a GPU deverão estar instalados.



Vale lembrar que o site ProtonDB possui um banco de dados bastante completo sobre a compatibilidade de inúmeros jogos.

Driver da AMD

Assim como o da Nvidia, o driver da AMD está no repositório non-free do Debian (veja aqui como habilitá-lo). Com o repositório habilitado basta rodar o seguinte comando para a instalação:

$ sudo apt install firmware-amd-graphics

Este pacote instalará o driver em si, o firmware necessário e os complementos para o kernel. Após reiniciar o driver deverá estar positivo e operante, com um detalhe interessante: ao contrário do driver da Nvidia, o da AMD funciona sem problemas com o Wayland, o gerenciador de janelas que deverá substituir o velho X.Org.
Além dos jogos suportados pelo Proton, há muitos outros que rodam nativamente no Linux como é o caso do consagrado simulador de caminhões Euro Truck Simulator 2. Com o driver da AMD instalado em conjunto com uma Radeon RX 590 o sistema conseguiu cerca de 80 quadros por segundo em 1080p e no preset gráfico alto, um resultado muito bom.


Por fim, lembro que todas as postagens sobre o Debian estão aqui. Até a próxima!

Comentários

  1. Dos jogos nativos da plataforma gosto bastante do Warzone 2100 e do Super Tux Kart!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Mais lidas da semana

RIP IBM