Ryzen Server (Parte 2 – Montagem)

Confira como foi a montagem e configuração do meu poderoso servidor pessoal! 😁


A seleção dos componentes em detalhes está na postagem anterior da série. Confira lá, caso ainda não tenha visto. 😉

Tudo começa com o processador Ryzen 7 2700 instalado na placa-mãe Asus Prime X470-Pro:


Agora temos os dois módulos de memória Kingston HyperX Fury e o cooler AMD Wraith Spire instalados:


Para instalar o SSD M.2 primeiro é necessário remover o dissipador de calor:


Já dentro do gabinete, com a poderosíssima placa de vídeo GeForce GT 710. 😂



Os discos rígidos já com os trilhos para encaixe no gabinete. 



Positivo e operante! 😎



Ryzen Server ou RGB Server? 😂


As baias dos discos rígidos são refrigeradas pelas ventoinhas frontais.


Configuração

Em condições normais o R7 2700 opera com menos de 1 V de tensão e dissipa apenas cerca de 10 W. Excelente!


Exceto pela unidade de boot, decidi aplicar o sistema de arquivos ReFS com as checagens de integridade habilitadas, que é bem mais robusto do que o veterano NTFS.


Além dos backups e repositórios, este servidor também manterá ativos os vários serviços do Windows Server 2019 que eu mostro nesta série de postagens.

Até o próximo projeto!

Comentários

Postar um comentário

Mais lidas da semana

Pentium versus 5x86

O restritivo Windows 11

Microsoft Batch 98