O Windows de 32 bits se encaminha para o fim

A Microsoft deu um importante e desejado passo para o fim do Windows 10 de 32 bits. Antes tarde do que nunca!


A partir do May 2020 Update que está previsto para chegar no próximo dia 28, o Windows 10 de 32 bits não mais terá suporte em PCs OEM, ou seja, de grandes fabricantes tais como Dell, Lenovo, HP e companhia. Em outras palavras, isto significa que tais integradores não mais poderão usar a edição de 32 bits nos seus equipamentos - convenhamos, aplicar o Windows 32 bits em PCs novos em pleno ano de 2020 é de matar!

As instalações existentes continuarão sendo atualizadas até o final do ciclo do produto, mas de qualquer modo, é o primeiro passo para a extinção do Windows 32 bits, visto que os sistemas operacionais AMD64 trazem grandes vantagens (notadamente em segurança) que não se resumem apenas em gerenciar mais de 4 GB de RAM.

Comentários

  1. Até hoje fico imaginando porque a Microsoft fica dando suporte em máquinas de 32 bits será e pro mercado coorporativo onde se tem muitas maquinas antigas e aplicativos antigos que não se dão bem com o SO de 64 bits?O que ferra o 32 bits e so pode acessar diretamente 4GB de ram...Até mesmo o Ubuntu faz tempo que caiu fora dos 32 bits...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito do motivo está mesmo no setor corporativo. O que deve ter de software legado (leia-se: velho) por aí que não funciona no Windows 64 bits não está no gibi...

      Excluir
  2. Então, 32 Bits é para computadores antigos que queiram migrar para o Windows 10 mas, os usuários parece não terem se atentado no fato de que o Windows 10, para computadores antigos, dá muito "problema", ou seja, Windows 10 é para PC's novos, não faz sentido mesmo ter sistema de 32 Bits para computadores antigos que já não vai funcionar bem.

    ResponderExcluir
  3. Vc que está mais por dentro da area, as empresas e organizações que utilizam um aplicativo de legado muito antigo vital pra eles não possuem um plano de contingência ou de continuidade pra atualizar o aplicativos deles pra plataformas mais atualizadas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O ideal é ter um plano diretor de TI para justamente não ficar na dependência de softwares antigos, visto que como qualquer outro ativo um software tem um prazo de vida útil.

      Excluir

Postar um comentário