Apresentando o Cyrix MII-333GP (Parte 2 – Overclock)

Na segunda parte sobre o lendário MII, o levarei até o limite. Será que os processadores da Cyrix realmente eram ruins de overclock como se dizia na época? Confira aqui!


Antes de prosseguir, vale notar que a apresentação do Cyrix, assim como os demais componentes da configuração, pode ser vista na primeira parte, enquanto que as tabelas comparativas dos resultados podem ser vistas na página de benchmarks clássicos. 😉

A estratégia

Como originalmente o MII-333GP utiliza um multiplicador elevado (3,5), decidi reduzi-lo para 3 e ir subindo a frequência do barramento frontal até onde fosse possível chegar com estabilidade.

Consegui obter 300 MHz no MII (100 X 3) sem alterar a tensão de alimentação. Nada mal! Ele até consegue inicializar a 315 MHz (105 X 3), porém não ficou completamente estável em todos os testes.



As informações obtidas pelo SpeedSYS:


Além de ter um risco praticamente nulo pois não houve alteração na tensão de alimentação, este overclock despertou o monstro adormecido dentro do MII, que obteve ótimos ganhos. O barramento frontal operando em apenas 75 MHz realmente é um grande gargalo para o MII.

Teste Resultado Overclock Diferença
3DBench 1.0c (FPS) 340,9 396,6 14,04%
SpeedSYS 4.78 CPU (Score) 180,0 207,7 13,34%
Chris´s 3D (Score) 314,6 378,3 16,84%
Doom - Demo 2 – 320 X 240 (FPS) 149,3 166,1 10,11%
Doom II - Demo 2 – 320 X 240 (FPS) 177,7 194,0 8,40%
Super PI 1M (Segundos) 786 640 -22,81%
Quake - Demo 2 – 320 X 240 (FPS) 38,2 45,6 16,23%
GLQuake - Demo 2 – 640 X 480 (FPS) 39,6 46,6 15,02%
3DMark 99 Max (Score) 1010 1218 17,08%
3DMark 99 Max CPU (Score) 1145 1328 13,78%
3DMark 2000 Pro (Score) 460 555 17,12%
Sandra 99 CPU (MIPS) 636 734 13,35%
Sandra 99 FPU (MFLOPS) 223 258 13,57%
Sandra 99 Memory Bandwidth (MB/s) 85 118 27,97%
Quake II OpenGL - Demo 2 – 640 X 480 (FPS) 24,4 29,6 17,57%
Quake III OpenGL - Demo 2 – 640 X 480 (FPS) 13,8 16,7 17,37%
Unreal Tournament 99 - City intro – 640 X 480 (FPS) 12,3 13,3 7,52%
3DMark 2001 SE (Score) 148 185 20,00%

Sem falar que em overclock o processador da Cyrix chegou junto dos rivais Intel Pentium MMX e AMD K6 em praticamente todos os testes, inclusive as versões overclockadas deles. Muito bom!

Finalizando, acredito que este ensaio fez uma justiça tardia com este modelo da Cyrix, que mostrou um potencial muito razoável de overclock, ao contrário do senso comum da época. Isto demonstra o perigo de sair por aí apenas repetindo o que os outros falam, o que acontece muito nos fóruns e afins.

Comentários

  1. Se a escolha fosse pelo quesito nome com presença esse Cyrix MII-333GP ganharia fácil de qualquer outro processador e seria líder de vendas, mas como o que vale são os números, o esforçado MII ficou pra trás. Se ele tivesse saído de fábrica com clock maior ele talvez tivesse tido um destino mais feliz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se ele tivesse saído com FSB de 100 MHz já seria uma boa ajuda. Mas nessa época a Cyrix já estava mal das pernas, e o MII foi uma última e desesperada tentativa de continuar no mercado.

      Excluir

Postar um comentário