O resgate do PC esquecido

Este simpático PC estava esquecido em um prédio abandonado e quase foi demolido junto. Veja aqui os seus componentes e a história do seu resgate.


Os meus amigos sabem da minha queda por computadores antigos, e assim fui chamado para ver este PC descoberto dentro de um armário de um prédio abandonado, que estava prestes a ser demolido. Não pensei duas vezes e o salvei deste trágico destino. 😃


O interior do gabinete está incrivelmente limpo e livre de pontos de corrosão. O disco rígido estava solto e a configuração é típica do final do século passado, que veremos em detalhes adiante.


A fonte é uma Satellite (marca genérica popular na década de 1990 e início de 2000) de 350 W na etiqueta. Note que a linha de 5 V tem muito mais capacidade de corrente (medida em Amperes) do que a de 12 V, visto que os PCs desta época usavam mais a linha de 5 V do que a de 12 V como os atuais.


O disco rígido é um Samsung SpinPoint de 80 GB, que conta com rotação de 7200 RPM, 2 MB de cache e interface IDE UDMA6 (133 MB/s). Sem dúvida era um disco topo de linha na época!


Fazia mais de uma década que eu não via um cooler de disco rígido. Muito legal!


O restante dos componentes. A placa-mãe é uma clássica Asus CUV4X-E soquete 370, baseada no chipset Via Apollo Pro 133A (ponte norte Via VT82C694X e ponte sul Via VT82C686B), com quatro slots de memória SDR PC133 (até 1,5 GB de RAM são suportados), slot AGP Pro 4X, seis slots PCI e um AMR (Audio Modem Riser, muito usado nas placas deste período), duas portas IDE UDMA5 (100 MB/s) e quatro portas USB 1.1, além de um chip de áudio C-Media CMI8738. 

O processador é um Pentium III Coppermine de 600 MHz, com 256 KB de cache L2 e FSB de 100 MHz. Como o Via Apollo Pro 133A suporta o FSB em 133 MHz, qualquer processador Pentium III Coppermine pode ser utilizado (até o de 1 GHz), como também dá para fazer um overclock.

A placa de vídeo é uma GeForce 2 MX200 AGP 4X fabricada pela Asus. O chip GeForce 2 MX200 é o mais fraco dos GeForce 2, pois utiliza memória de vídeo SDR com barramento de apenas 64 bits.

São dois módulos de memória PC133 de 256 MB cada e uma placa de rede PCI Fast Ethernet (100 Mb/s) baseada no chip Realtek 8139D.


Eis o Pentium III:


Enfim, os componentes são de boa qualidade e estão em bom estado, apesar de terem ficado abandonados por anos. Um ótimo achado!

Comentários

  1. Cooler de disco rígido? Isso lá tinha alguma utilidade? Outra coisa, o tal PC ainda está vivo? Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda não testei a fonte, prefiro não ligar o bicho sem testá-la primeiro.

      Excluir
  2. Caramba que sorte!
    Tá impecavel e tem uma configuração legal!
    Queria ter a sorte de achar um antigão também! Hahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é. Havia uma época onde você conseguia obter PCs como este praticamente pagando apenas o frete. Hoje estão pedindo um absurdo.

      Excluir
    2. Tudo tem seu lado bom e ruim.
      Tambem acho que está um absurdo, mas por outro lado se estivesse muito barato, muitos iriam para o lixo.
      Em circuitos analogicos, quando ficam muito tempo desligados, o ideal é liga-los com uma tensão de alimentação bem mais baixa por algumas horas para restabelecer o dieletrico dos capacitores eletroliticos.
      Não sei se é possivel fazer isso com circuitos digitais, mas acho que sim. Menos com a fonte, claro, pois ela tentará compensar pelo oscilador.

      Excluir
  3. Gabinete clááááásico! Baita achado, hein? E que configuração massa! E agora só resta aguardar os testes! Que
    Presentaço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que aproveitarei as peças em outro projeto... mas realmente, um achado!

      Excluir

Postar um comentário

Mais lidas da semana

Salvando uma placa 286

Avaliando o ReFS

Ficou feio