Unboxing e primeiras impressões: fone inteligente Moto G5S Plus

O Moto G5S Plus é um aparelho intermediário da Lenovo/Motorola que traz recursos bem atrativos para a sua faixa de preço. Confira todos os seus detalhes aqui!


O aparelho

Eis a embalagem:


O Moto G5S Plus. Ao ser conectado pela primeira vez à Internet já pintou uma notificação de atualização:


A sua ficha técnica é a seguinte:

  • Processador Qualcomm Snapdragon 625 de oito núcleos a 2 GHz;
  • GPU Adreno 506 rodando a 650 MHz;
  • 3 GB de RAM;
  • 32 GB de armazenamento interno, com suporte a cartões Micro SD de até 128 GB;
  • Tela Gorilla Glass de 5,5” IPS, de resolução 1080p com 401 PPI;
  • Bateria de 3000 mAh;
  • Câmera traseira dupla de 13 MP e duplo flash, com captura em 1080p a 60 quadros por segundo e em 4K a 30 quadros por segundo;
  • Câmera frontal de 8 MP com flash, com captura em 1080p a 30 quadros por segundo;
  • Suporte ao Bluetooth 4.2;
  • Suporte ao 4G;
  • Peso de 170 g;
  • Sensor de impressão digital;
  • Android 7.1.1 Nougat.


O acabamento é em alumínio, excelente para um aparelho desta faixa de preço:


O carregamento e transferência de dados é feito por uma tradicional porta Micro USB:


Felizmente a Motorola não abandonou a clássica conexão P2 para fones de ouvido:


Os botões liga-desliga e de volume. A espessura do aparelho é de cerca de 8 mm.


Para abrir a bandeja onde são inseridos o chip SIM e o cartão Micro SD é necessário usar um pequeno clipe que acompanha o aparelho:


Eis a bandeja. Se for utilizado um cartão Micro SD, apenas um chip SIM pode ser empregado:


Os acessórios que acompanham o pacote: antena para TV digital, fone de ouvido, carregador com função de carregamento rápido, o referido clipe e os manuais.


O software

Felizmente a Motorola aplica o Android sem firulas (ao contrário da Samsung com a TouchWiz e da Asus com a ZenUI). Também não há bloatwares, o que é uma bênção. Isto em conjunto com o hardware  do aparelho garante sempre respostas rápidas aos comandos.


Se você já operou qualquer Android moderno não terá a menor dificuldade no Moto G5S Plus.


Logo após o aparelho ser colocado em serviço pintaram três atualizações, as quais porém não alteraram a versão do sistema operacional. A Motorola promete a atualização para o Android 8.1 Oreo para “breve”.



Um dos destaques do sistema é o gerenciamento de usuários. O recurso existe desde o Android 6, porém muitos fabricantes o desabilitam por puro desleixo (o meu Asus Zenfone 2 teve o recurso capado na ZenUI, por exemplo).


Outro ponto positivo é a duração da bateria: com o brilho da tela no médio e usando o Wi-Fi a mesma dura facilmente dois dias. Na rede 4G dura um pouco menos, mas passa tranquilamente de um dia inteiro. Perto deste aparelho o Zenfone 2 é um devorador de bateria.

A câmera

A câmera dupla traseira do Moto G5S Plus dá conta do recado sem problemas, obtendo boas fotos mesmo em ambientes com pouca iluminação.



Já a dianteira é adequada para aquilo que se propõe: apenas tirar selfies. O flash ajuda bastante em ambientes pouco iluminados.

Benchmarks

Eis os resultados e comparativos feitos pelo Geekbench 4.0, no índice de CPU:




Como curiosidade, o meu Zenfone 2 obtêm 1063 pontos no índice single core, o que mostra que o processador Atom tinha muito potencial de desenvolvimento, é realmente uma pena a Intel ter abandonado este nicho.

Este é o índice para a GPU, onde o Adreno 506 mostra força:



As informações do aparelho obtidas pelo CPU-Z:



Conclusões

Os seus pontos positivos são:

  • Desempenho multi core;
  • Desempenho da GPU Adreno 506;
  • Tela 1080p com painel IPS e 401 PPI;
  • Acabamento externo em alumínio;
  • Câmera dupla traseira;
  • Duração da bateria;
  • Android puro e sem bloatwares.

Os negativos:

  • Impossibilidade de usar dois chips SIM e um cartão Micro SD ao mesmo tempo;
  • Desempenho single core da CPU Snapdragon 625, muito embora não chegue a penalizar a experiência de utilização do aparelho.

O Moto G5S Plus é um aparelho intermediário com alguns recursos presentes em aparelhos premium, tais como o acabamento em alumínio e a câmera dupla traseira. O seu preço médio é de R$ 1.200 no mercado brasileiro, sendo assim um bom custo x benefício.

Comentários