A atualização Threshold 2 do Windows 10 é a compilação 10586

A partir de hoje a primeira grande revisão do Windows 10 começa a chegar ao público. Conforme se pode observar pelo Windows Update, a tão aguardada atualização Threshold 2 na verdade é a compilação 10586 que foi liberada para os participantes do Windows Insider na semana passada.



Conforme a Microsoft, as principais melhorias estão no tempo de boot (que segundo eles, está até 30% mais rápido do que o Windows 7 no mesmo PC), no Edge e na Cortana (que infelizmente ainda não fala português), além de mudanças secundárias na interface do sistema (personalizar a cor das barras de título), menus de contexto e no menu Iniciar (que permite adicionar mais uma coluna de live tiles). Outra novidade importante é que esta atualização permite que o sistema seja ativado diretamente com as chaves originais do Windows 7, 8 e 8.1, o que pode poupar um bocado de tempo em certas situações.

Estou com a compilação 10586 no PC de Testes desde a semana passada e realmente a mesma é bem mais estável e previsível do que a 10240 (que foi a compilação inicial do Windows 10 estável lançado em julho). Pelo menos no PC de Testes ela não apresentou as falhas que me fizeram voltar a utilizar o Windows 7 no PC Principal.

Desta forma, se você utiliza o Windows 10 é uma atualização obrigatória. Vale muito a pena.

Veja também:

Comentários

Postar um comentário