Hello Moto!

Como vocês devem se lembrar, a alguns dias o meu Samsung Galaxy SIII bateu as botas depois de uma queda e para o seu lugar adquiri um Moto G 2014 (segunda geração) com dual chip e DTV. Nesta postagem irei compartilhar com vocês as minhas impressões sobre este aparelho. Uma boa leitura!

EDIT 27/01/2015: saiu o Android 5 para o aparelho.

Embalagem e acessórios

Antes de mais nada peço desculpas a todos por, devido à correria, não ter filmado o unboxing do aparelho! Como é possível ver na imagem, a caixa do Moto G é bastante simpática e bem acabada.



O pacote conta com uma capa traseira na cor azul e outra na cor preta, além de dois pequenos manuais sobre como efetuar a configuração básica do aparelho.



Acompanha também um fone de ouvido tradicional com controle de volume (ainda bem, pois pessoalmente não gosto dos modelos in ear como o que acompanhava o SIII). Achei a qualidade do som satisfatória, muito embora que mensurar qualidade de áudio é algo puramente pessoal e estou longe de ser um audiófilo... :p



Eis a antena receptora de TV Digital (que passarei a chamar aqui apenas de DTV), um dos grandes diferenciais deste modelo. Note que ela possui também um plugue P2 fêmea, o que permite a sua utilização juntamente com o fone de ouvido uma vez que a antena é conectada ao aparelho no mesmo plugue do fone. Uma boa sacada da Motorola.



O carregador é um USB/Micro USB padrão.



O aparelho

Eis o Moto G 2014. Logicamente que certos aspectos relacionados ao acabamento somente podem ser verificados com o uso diário, mas em um primeiro contato achei que o acabamento é bem melhor do que o SIII – nada mal para um aparelho intermediário.



Visão posterior com a capa na cor preta aplicada. A textura desta capa é muito boa, não passando a impressão de plástico vagabundo como ocorre com a capa traseira do SIII. A câmera é de 8 MP.



Retirando-se a capa é possível ver as entradas para os dois chips Micro SIM e para o cartão de memória Micro SD. Foi perfeitamente possível aproveitar o cartão de 16 GB que eu usava no SIII mantendo todos os arquivos, afinal de contas felizmente os dois contam com o mesmo sistema operacional.



Uma comparação com o finado SIII. A diferença de tamanho da tela de 5” do Moto G em relação à de 4,8” do SIII é perceptível.



O único ponto onde o SIII mostra alguma superioridade é na espessura: ele é visivelmente mais fino do que o Moto G, mas se considerarmos que este tem duas antenas e DTV a diferença é perfeitamente aceitável.



Hardware, sistema operacional e software

O Moto G 2014 conta com um processador Snapdragon 400 quad-core de 1,2 GHz, 1 GB de RAM, 16 GB de armazenamento interno (isto no modelo com DTV, o que não tem este recurso conta com 8 GB), tela de 5” Gorilla Glass 3 com resolução de 720p, câmera traseira de 8 MP com flash, frontal de 2 MP, 3G, Wi-Fi e Bluetooth. Também conta com dois alto-falantes e som estéreo, outra grande sacada da Motorola. Sem dúvida que trata-se de uma configuração bastante decente para o preço do aparelho.

A versão do Android que vem de fábrica é a 4.4.4. Na data em que escrevo estas mal traçadas linhas rumores indicam que a Motorola está em fase final de testes do Android 5 para os Moto G. Assim que pintar esta atualização farei uma postagem especial!



Como felizmente a Motorola aplica um Android puro nos seus aparelhos o desempenho é muito bom, bem melhor do que o meu SIII quando contava com o Android da Samsung e a modorrenta TouchWiz. Com o CyanogenMod instalado posso dizer que o SIII fica com um desempenho equivalente ao do Moto G, até mesmo em função de que as especificações de hardware de ambos são bastante parecidas. 

Não vou entrar aqui em pormenores sobre o Android para não ficar repetitivo - qualquer pessoa que já utilizou algum aparelho com a versão 4.0 ou superior do sistema vai se sentir em casa com o Moto G, até mesmo pelo fato da Motorola usar a versão pura. Desta forma, destacarei aqui apenas os diferenciais do aparelho.

Um dos diferencias mais marcantes do Moto G sem dúvida é a DTV. Acompanha a suíte de softwares do aparelho um que permite a busca de canais e a sintonização dos mesmos.





Em relação à qualidade de imagem dos canais eu diria que ela é aceitável, não chegando a ser ótima. Na minha opinião falta um pouco de nitidez, mas nada que impeça uma correta visualização do sinal das TVs abertas. Pode até ser que haja algum ajuste no software de TV pelo qual eu tenha passado batido, caso descubra alguma novidade atualizarei a postagem.



Outra curiosidade que achei digna de nota é que o aparelho conta com drivers para diversas impressoras, principalmente as HP. Instalei a minha HP Deskjet Advantage 3516 (que é Wi-Fi) no aparelho com extrema facilidade.



A câmera

De forma puramente empírica, achei a qualidade das fotos feitas pelo Moto G melhores do que as do SIII (que também tem câmera de 8 MP). Abaixo estão algumas fotos comparativas entre os dois aparelhos e também entre a minha câmera dedicada Nikon Coolpix L820 para que vocês possam tirar as próprias conclusões.







Concluindo, na minha opinião o Moto G 2014 (principalmente a versão mais completa com DTV e 16 GB de armazenamento) tem um custo x benefício quase imbatível na sua faixa de preço entre os aparelhos com Android. Os seus principais pontos positivos são o hardware decente, bom acabamento, Android puro e diferenciais como o dual chip e a DTV. Substituiu com vantagens o meu finado SIII.

Espero que tenham curtido e desejo a todos um Feliz 2015!

Comentários