Nota de falecimento do meu Samsung Galaxy SIII

O falecido SIII
Como eu já havia adiantado na postagem sobre as férias, o meu Samsung Galaxy SIII bateu as botas. Uma queda de pouco mais de meio metro foi o suficiente para matar o aparelho, que não mais dá sinal de vida (sim, verifiquei se a bateria não se soltou na queda...).

Como encontra-se SIII novo por algo em torno dos 600 merréis, não creio que valha a pena consertá-lo. Estou tentado a pegar um Moto G de segunda geração com dual chip, DTV e Android 4.4 puro (com atualização garantida para o 5) o qual encontrei por 670 reais no boleto após uma pesquisa rápida, sendo um ótimo custo x benefício na minha opinião. Quem diria que a velha Motorola na qual ninguém mais acreditava iria dar esta volta por cima!

Quanto aos aparelhos Samsung, enquanto a empresa mantiver certas práticas tais como a política de atualização do Android (o meu estava com o CyanogenMod baseado no Android 4.4.4) e o uso da horrível TouchWiz, sem falar do acabamento dos aparelhos (o meu SIII já estava todo descascado nas bordas com pouco mais de dois anos de uso) vai ser difícil eu comprar outro aparelho da marca. E pelo visto não sou o único que pensa assim: a divisão de mobiles da marca coreana teve uma bela queda no faturamento e o S5 está vendendo bem menos do que o esperado.

Comentários

  1. Foi justamente por esse motivo que trocamos o S3 mini da minha esposa por um Nexus 5, da Google fabricado pela LG, hardware muito superior, aparelho excelente e já está atualizado para o Android 5.0, sem delongas e sem mimimis... Além é claro, do Android ser puro, Samsung nunca mais...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O meu Moto G 2gen chegou ontem e estou achando ele bem melhor do que o SIII apesar da configuração similar, sem falar do acabamento bem melhor. Estou também preparando uma postagem sobre ele... aguardem! :-)

      Excluir

Postar um comentário