AOL ainda tem cerca de 2 milhões de assinantes de conexão discada

Glorioso fax-modem US Robotics de 33,6 K
Se você achava que a AOL e a Internet discada eram peças de museu, precisa rever os seus conceitos: nos Estados Unidos, a empresa ainda tem mais de 2 milhões de assinantes de planos com acesso discado, mais precisamente, 2,34 milhões! E este contingente de assinantes rendeu à companhia um lucro líquido de mais de 143 milhões de dólares apenas no último quadrimestre!

Apesar de este número estar em declínio (eram mais de 3,6 milhões de assinantes em 2011) o lucro da AOL se manteve estável pelo aumento do custo da assinatura básica, de 18 dólares para pouco mais de 20 obamas por mês. Também não é possível afirmar com total certeza se este número de pessoas realmente ainda continua usando o acesso discado, pois muita gente mesmo em um país mais evoluído como os EUA continua pagando a assinatura da AOL mesmo utilizando outro tipo de conexão e operadora, em função das supostas vantagens - a mesma receita que muitos provedores brasileiros também aplicam por aqui. Mas de qualquer modo, é muito provável que grande parte deste número ainda faça uso do anacrônico acesso discado.

Não uso acesso discado desde 2002 e atualmente não consigo me imaginar usando novamente uma conexão destas... e pensar que às vezes ainda me pego reclamando da minha conexão ADSL de 10 Mb! Se você quiser relembrar (ou saber como era, afinal das contas muitos dos que estão lendo estas linhas provavelmente nunca usaram uma conexão discada...) não deixe de conferir o texto que fiz sobre as conexões nos anos 1990 e sobre como funcionavam os provedores de acesso da época. Um grande abraço!

Veja também:

Nos anos 1990, as conexões eram assim (Parte 1 – Hardware e curiosidades)
Nos anos 1990, as conexões eram assim (Parte 2 – Os provedores)

Comentários