Dicas Debian #4 – Atualização a partir do Debian 10

Sim, é possível atualizar o Debian para o seu último lançamento a partir da sua versão estável anterior. Veja aqui como proceder! 🐧



Antes de começarmos, vale destacar que é impossível garantir que atualizações de sistemas operacionais (qualquer um) sejam bem sucedidas, ou seja, há a possibilidade de você quebrar o sistema. Aviso dado, vamos prosseguir. 😉

Primeiramente é importante que o Debian 10 esteja devidamente atualizado e para tanto rode os clássicos comandos apt update e apt upgrade com permissões elevadas antes de continuar. Em seguida, faça uma cópia do arquivo sources.list:

# cp /etc/apt/sources.list /etc/apt/sources.old

Agora podemos começar o processo de atualização alterando os repositórios do sistema:

# gedit /etc/apt/sources.list

Este é um arquivo sources.list com os repositórios típicos do Debian 10:


Localize cada instância com o termo buster e o substitua por bullseye, em seguida faça o mesmo para as instâncias buster/updates e as substitua por bullseye-security. Caso você utilize repositórios de terceiros verifique a disponibilidade dos mesmos para o bullseye.

O arquivo deverá ficar como o mostrado abaixo. Salve-o e feche o editor de textos.


Agora é necessário atualizar a lista de pacotes e fazer a atualização dos componentes básicos do sistema, para tanto rode novamente os comandos apt update e apt upgrade

Alguns pacotes exibem readmes durante a instalação: role o texto até o fim com a tecla Page Down e finalmente pressione Q para sair e continuar com a atualização.



Alguns pacotes podem solicitar o reinício de serviços, escolha Sim para prosseguir.


Finalizado este processo, agora podemos atualizar os demais componentes do sistema como aqueles das aplicações. Para tanto, rode o comando:

# apt full-upgrade

Após o término cruze os dedos e reinicie a máquina, que já deverá carregar o Debian 11. Se você utilizava drivers proprietários como os da Nvidia e de algumas interfaces de rede Wi-Fi será necessário reinstalar os mesmos, o que veremos na próxima parte.


Por fim, teste bastante o sistema para averiguar o seu funcionamento e o das aplicações. Quando você estiver seguro é possível remover os pacotes antigos para liberar algum espaço em disco, o que pode ser feito com o comando:

# apt --purge autoremove


Até a próxima!

Comentários

  1. Quando tentei atualizar da versão 9 para a 10 "quebrou" o sistema, por isso quando lançaram a 11 eu formatei as partições do 10 e fiz uma instalação limpa! Também tive problemas uma vez que tentei atualizar do Ubuntu 16.04 para o 18.04! A única distro em que eu não tive problemas tentando fazer isso foi o OpenSUSE, mas desisti de usá-la ´porque o suporte é muito curto (18 meses).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Usando o jargão futebolístico, atualizar sistemas operacionais é uma caixinha de surpresas! 😁

      Excluir

Postar um comentário

Mais lidas da semana

Testando um Bulldozer

Santo Rufus!

Salvando uma placa 286