A arte do marketing equivocado

Certamente que o marketing digital está ficando cada vez mais necessário para empresas e prestadores de serviços. Mas quando ele é feito sem muito cuidado, mais atrapalha do que ajuda.


Cito como exemplo de equívoco este e-mail promocional de uma grande loja de hardware brasileira. À primeira vista ele parece correto, se não fosse por um pequeno problema: há quase um mês que eu venho recebendo e-mails promocionais com exatamente os mesmos produtos.


Mas este não é o único problema. Eu até me interessei pelo gabinete da promoção, mas clicar no link para comprar só me fez descobrir que o mesmo está em falta no estoque. Duh.


Primeiro, me enviam supostas ofertas como um antigo disco de vinil riscado, repetindo sem parar. E ainda por cima, de produto sem estoque. Dois grandes erros em um único e-mail!

Se é falha de sistema ou humana eu não sei, mas isso pega muito mal. O menos ruim que pode acontecer é o potencial cliente se descadastrar da mala direta dos e-mails promocionais, mas também pode chegar ao ponto da loja perder credibilidade e ser preterida nas compras futuras, que não seja mais levada a sério.

Fica a dica não apenas para a loja em questão, mas para todos que pretendem entrar na era do marketing digital: façam direito, ou não façam.

Caso alguém da loja quiser se manifestar sobre esta crítica construtiva, os comentários e o formulário de contato estão à disposição. Se além de trocar ideias sobre o marketing quiserem me enviar hardware para testar, melhor ainda! 😀

Comentários