Cápsula do tempo

Loja de informática abandonada nos EUA é uma verdadeira viagem de volta à tecnologia do início do século. Impressionante!


Localizada em um centro comercial na pequena cidade de Norman, Oklahoma, a Computer Factory Outlet é uma típica loja de informática do início do século: abarrotada de PCs, monitores CRT, impressoras, caixas de softwares e periféricos de todo o tipo. Aos mais jovens pode parecer incrível, mas era em lugares assim que comprávamos desde um simples mouse até um “kit upgrade” completo. As grandes lojas de hardware on-line ainda não existiam.


Muitas vezes nós íamos apenas para ver os últimos lançamentos nas prateleiras, principalmente aqueles que como eu tinham sérias restrições orçamentárias. Não raramente encontrávamos outros aficionados por hardware e as conversas iam longe: AMD esquenta muito mesmo? Qual é a melhor, Voodoo3 ou TNT2? 😀


Conforme informações, a loja está fechada desde 2001 após ter decretado falência. O dono do imóvel o colocou como garantia de pagamento de um empréstimo e desde então o caso está na justiça. Não é somente aqui que o judiciário é moroso...


É de cortar o coração ver estes PCs e demais equipamentos se deteriorando com a implacável ação do tempo. Se eu fosse milionário, liquidaria a dívida e reabriria a antiga loja como um pequeno museu. Seria demais!

Imagens: Motherboard Tech.

Comentários

  1. Se fosse aqui no Brasil, já tinham saqueado a loja há muito tempo.

    ResponderExcluir
  2. Que coisa incrível!!!
    Poderia mesmo se tornar um museu.
    O que deve ter deteriorado mesmo são os capacitores eletroliticos.
    Tomara que alguém cuide bem dessa raridade!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente acho que não. Depois que o imbróglio jurídico for resolvido, muito provavelmente tudo isso aí vai para o lixo eletrônico. Mas espero estar enganado!

      Excluir
  3. Em lugares como esse que achamos tesouros do passado!
    Antigamente eu tinha vontade de colecionar computadores antigos (sempre quis ter um Commodore 64 e Amiga 2000), mas desisti porque aqui em casa não tem muito espaço sobrando...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aqui também não tenho lá muito espaço... a minha mulher fica louca! hahaha

      Excluir
  4. Aos mais jovens que acham isso incrível, recomendo assistirem no Youtube alguns vídeos antigos do ShopTour. Aqui no Brasil não era muito diferente da gringolândia. Há muitos videos divulgando promoções em lojas como essa, alguns datando de 1990.

    ResponderExcluir
  5. Caramba Michael, eu tive uma p*** sorte de comprar uma placa mãe 286 fechada na caixa, nunca aberta, o ano passado, a qual só precisei trocar a bateria. Parece que o vendedor (do ebay), comprou um lote delas em uma empresa encerrada.
    Quem sabe alguém consiga fazer o mesmo neste caso?
    E hoje tem muita gente também que fica ligado nos lixos eletrônicos.
    Aqui não muito longe tem um local de reciclagem de lixo de informática, e eu já comprei uns quatro HDs, um monitor Viewsonic LCD 15” funcionando 100% que paguei 10 dólares, uma fonte Dell e mais um monte de quinquilharias. E ainda o cara me deu de graça uma plaquinha aceleradora pci do final da década de 90!!!!!
    Quando eu ia lá, ficava meio pirado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, o Pentium Pro eu peguei no lixo eletrônico. Só foi necessário trocar dois capacitores da placa-mãe e boa, está funcionando até hoje!

      Aliás, estou preparando uma nova postagem sobre ele... :-)

      Excluir
  6. Mesmo problema aqui, falta de espaço. E também falta de verba, o que me leva a estabelecer prioridades: Antes de investir em hardware antigo, tenho que comprar outro microondas, fogão, máquina de lavar...

    ResponderExcluir

Postar um comentário