Ladrões virtuais pé de chinelo #10

Sem dúvida que o serviço de envio de faturas por e-mail é uma comodidade muito bem-vinda, e ajuda o planeta pela redução da papelada em circulação. Mas fiquem de olho nos golpes!


O e-mail abaixo se parece perfeitamente com um legítimo que contém uma fatura. Só que não!


Vamos aos principais pontos que você deve levar em consideração ao receber este tipo de e-mail:

  • Olhe o domínio e o endereço de e-mail. Por que diabos a Net (ou a Claro) usaria um endereço do IG, e de uma pessoa física ainda por cima?
  • Você é cliente da empresa?
  • A data de vencimento e o número do contrato estão corretos?
  • O e-mail que você recebeu a mensagem é o mesmo que foi cadastrado na empresa?

Em caso de menor dúvida que seja, jamais abra os anexos. Estes arquivos podem conter scripts maliciosos e a extensão dos mesmos muitas vezes não corresponde com o tipo de arquivo esperado, devido a um recurso do Windows que na minha opinião mais atrapalha do que ajuda: o de ocultar as extensões de arquivos conhecidos.

Como este recurso vem ativado por padrão (coisas da Microsoft...) um arquivo com o nome, por exemplo, de FATURA.PDF.EXE é exibido como se fosse o FATURA.PDF. Para desativar este recurso no Windows 10, a partir do Explorador de Arquivos clique na aba Exibir e em seguida no botão Opções.

Na janela mostrada, clique na aba Modo de Exibição e em seguida desmarque a caixa “Ocultar as extensões dos tipos de arquivo conhecidos” conforme a imagem abaixo:


É isso aí! Mais um golpe xexelento foi desmascarado! Um abraço e até a próxima!

Comentários