O Crossfire está morto!

A AMD confirmou o que já era esperado: as novas Radeon RX 5700 não mais suportam a tecnologia Crossfire, que agora está oficialmente morta. Rest in peace!


Lançado em 2005 pela ATI, o Crossfire foi a resposta desta ao SLI da Nvidia (que por sua vez era descendente da tecnologia homônima da 3dfx, adquirida pela Nvidia em 2000) que havia debutado no ano anterior. Nesta época os arranjos com mais de uma GPU eram considerados como o futuro das soluções gráficas e as duas empresas (com a ATI sendo comandada pela AMD desde a sua compra em 2006) não poupavam esforços para tornar as tecnologias menos suscetíveis à falhas e mais atraentes para os desenvolvedores de jogos.

Embora ainda não atingissem a escalabilidade almejada, tanto o SLI quanto o Crossfire foram evoluindo e durante uma pequena janela de tempo (lá por 2012-2014) eram alternativas relativamente atraentes àqueles que queriam aumentar o poder gráfico do PC, com uma boa parte dos jogos suportando as tecnologias.

Porém, de alguns anos para cá o cenário mudou e cada vez mais desenvolvedores de jogos abandonaram o suporte a mais de uma GPU, preferindo simplesmente portar os jogos dos consoles com o menor esforço possível (o PS4 e o Xbox One também são x86, o que facilita muito o processo) e correr para faturar no mercado. 

Isto gerou um efeito reflexivo: com cada vez menos jogos com suporte, o público entusiasta de multi GPUs também diminuiu, e pouco a pouco o SLI e o Crossfire foram definhando. Atualmente quase nenhum jogo AAA tem suporte, o que faz da vida de quem ainda usa as tecnologias um pequeno inferno, com uma incessante busca por gambiarras "adequações técnicas" para tentar fazer as mesmas funcionarem - eu abandonei o barco no início deste ano.

Pois bem, hoje uma declaração da AMD sepultou de uma vez o Crossfire: as novas Radeon RX 5700 não mais suportarão a tecnologia, com o uso de mais de uma GPU sendo facultado aos desenvolvedores através das funções nativas do DirectX 12 e Vulkan, desta forma sem suporte no DirectX 11 e OpenGL. Assim as últimas placas da empresa com o Crossfire são as Radeon RX 500 e as Vega 56/64, além da Radeon VII.

Rest in peace Crossfire. E o SLI é o próximo.

Duas Radeon HD 7850 em Crossfire, do projeto CrossPhenom

Fonte: TechPowerUp.

Comentários