Nvidia lança a GeForce GTX 1650, a primeira Turing de baixo custo

Após alguns meses de espera, a Nvidia finalmente lançou a primeira GPU baseada na arquitetura Turing voltada para o mercado mainstream. Confira as suas especificações.


Indo direto ao ponto, as especificações técnicas são as seguintes:

  • Frequência padrão de 1485 MHz e boost de 1665 MHz;
  • 896 CUDA Cores;
  • 4 GB de VRAM GDDR5 de 8 Gbps, com barramento de 128 bits e largura de banda de 128 GB/s;
  • Suporte ao DirectX 12, Vulkan e OpenGL 4.6;
  • Interface PCI Express 3.0 x16;
  • TDP de 75 W (a Nvidia recomenda uma fonte de 300 W);
  • Não requer alimentação elétrica PCIE suplementar;
  • Não suporta as tecnologias de Ray Tracing e DLSS. 


Sem dúvida um dos destaques desta placa é o baixo consumo elétrico, o que a torna uma ótima opção de upgrade para PCs “de marca” e àqueles que possuem fontes de alimentação de menor potência - não requerer um conector de alimentação PCIE também é muito desejável neste cenário. Conforme a Nvidia, a GTX 1650 visa substituir as 1050 Ti, 1050 e 950.

Em tempo, o preço sugerido pela Nvidia é de 149,99 trumps, por aqui é estimado que ela custe entre 900 a 1000 bolsonaros.

Diversos fabricantes também já anunciaram placas baseadas na GTX 1650

Comentários

  1. É o preço que paguei na minha 1050, há mais ou menos um ano, e nem tive tempo de usá-la.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ao menos nas placas de entrada a Nvidia não subiu o preço.

      Excluir

Postar um comentário