Unboxing e primeiras impressões: Cooler Deep Cool Ice Edge Mini FS 2.0

Conheça a solução de refrigeração de baixo custo e de dimensões reduzidas da Deep Cool. Será que é uma boa opção de compra?

Eis a embalagem do Ice Edge Mini FS 2.0:


O kit é simples: armação para os soquetes LGA 775, 1156, 1155, 1150 e 1151 da Intel e os respectivos pinos de fixação, visto que o cooler já vem com uma presilha adequada para a instalação nos soquetes 754, 939, AM2 e AM3 da AMD. O plug de alimentação e controle de rotação é de três pinos, logo não há suporte para o modo PWM.


A maior parte da superfície de contato com o processador é de alumínio - apenas as aletas condutoras de calor são de cobre. A pasta térmica vem pré-aplicada.


Para a instalação nos sistemas baseados em processadores Intel, primeiro a armação deve ser presa na placa mãe com os respectivos pinos de fixação.


O cooler pode ser instalado em qualquer orientação, o que é um destaque. Aqui tive que instalá-lo desta forma pois do outro modo a presilha de fixação esbarrava no dissipador de calor do circuito regulador de tensão da placa mãe (na borda superior da placa).



Apesar de ser um produto de baixo custo, o desempenho do Ice Edge Mini FS 2.0 foi bastante satisfatório: conseguiu manter um processador Intel Core 2 Quad Q6600 @ 3,3 GHz com uma temperatura máxima de pouco mais de 60 ºC em um dos núcleos, mesmo durante um benchmark com o Cinebench R15 que usa intensivamente todos os núcleos disponíveis do processador.


Em suma, o Ice Edge Mini FS 2.0 é um produto honesto pelo que custa. O sistema de fixação para os soquetes LGA é bastante prático e de rápida instalação, melhor do que o presente nos coolers originais da Intel e mesmo em alguns modelos mais caros.

A capacidade de resfriamento é boa. O processador Q6600 com litografia de 65 nm é bastante “esquentadinho”, e o pesqueno Ice Edge conseguiu manter a sua temperatura em um nível aceitável mesmo com um overclock agressivo. 

Veja também:

Comentários

  1. Além de retropornografia informática esse site ainda faz análises? Tá bom demais da conta, sô! :)

    ResponderExcluir
  2. Apesar que você mora no Sul, ainda mais agora que é inverno, faça este teste no verão pra ver no que dá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, a temperatura ambiente está mais baixa aqui nesta época. Vamos ver como vai ser no verão. Mas o Cinebench usa ao máximo o processador, bem mais do que qualquer jogo ou aplicação. É algo a se levar em conta.

      Excluir

Postar um comentário