O Project Spartan enfim foi batizado: será o Microsoft Edge

Acabou o mistério em torno do nome do novo navegador da Microsoft, até então conhecido como Project Spartan: será Microsoft Edge, em alusão ao novo motor de renderização EdgeHTML. O anúncio foi feito durante a conferência Build realizada nesta semana pela Microsoft.

Mais importante do que isto, porém, é que o novo navegador a princípio rodará extensões originalmente projetadas para o Chrome e Firefox requerendo poucas mudanças no código das mesmas, de forma a estimular os seus produtores a portá-las para o novo navegador. Sem dúvida isto é um grande acerto da Microsoft e poderá ser um fator decisivo para a popularização do Edge.

Pessoalmente venho testando o até então Project Spartan desde o Build 10049 do Windows 10 e o mesmo vem se mostrando um produto bem interessante, com um bom desempenho aliado a uma interface limpa e minimalista. A anunciada facilidade na adequação das extensões do Chrome e Firefox para o novo navegador indica que o Edge será um competidor de respeito, e que a Microsoft realmente está querendo compensar os anos de ostracismo com o Internet Explorer. Mais um ponto para o Sr. Nadella.

Falando do velho Internet Explorer, uma vez que o Edge felizmente não mais utilizará o antigo motor de renderização Trident, ele continuará presente no Windows 10 por questões de retrocompatibilidade principalmente com controles ActiveX e os famigerados sites IE Only.

Veja também:

Comentários