Os bloqueios do Whatsapp demonstram uma ignorância atroz

E não é que em menos de seis meses o Whatsapp foi bloqueado novamente na terra das bananas? E mais uma vez por supostamente não colaborar com uma investigação criminal. Fico me perguntando: será que não há um iluminado sequer que possa dizer ao nobre magistrado que o que ele solicitou simplesmente não existe? 

Aos que não saibam, o Whatsapp é apenas um aplicativo que utiliza a infraestrutura da Internet para comunicação ponto-a-ponto, logo não há um servidor central que armazena cópias das mensagens, fotos e vídeos enviados - todo este conteúdo fica armazenado somente nos dispositivos envolvidos. Se a suposição do nobre magistrado fosse correta, imagina o custo astronômico que a empresa mantenedora do aplicativo teria com servidores, para armazenar todas aquelas piadinhas sem graça que recebemos diariamente?

Há um outro lado: além das piadinhas sem graça, o ZapZap também vem sendo usado de forma profissional por muitas empresas, para comunicação do seu quadro funcional e para interação com os clientes. Acham que estou exagerando? Recentemente agendei o conserto da minha máquina de lavar e em questão de minutos recebi uma mensagem pelo Whats da empresa confirmando a visita do técnico. E aí, nobre magistrado, quem vai pagar pelo prejuízo que a vossa decisão venha a causar?

Por último: se a comunicação pelo aplicativo supostamente estaria atrapalhando a investigação, fica a indignação: em um país que não consegue sequer bloquear o sinal de celular nas penitenciárias, isto é uma grande hipocrisia.

EDIT 15:14: o recurso do Whatsapp foi aceito e o mesmo deverá voltar a funcionar conforme as operadoras forem notificadas da decisão.

Comentários

  1. Muito bem companheiro, o whatsapp apenas transmite os dados entre as pontas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, ainda mais agora que é criptografado.

      Excluir
  2. Nããoo é bem assim!

    ResponderExcluir
  3. Boa!
    Pois é, agendei recentemente um orçamento para reforma de nosso sofá apenas via conversa e fotos trocadas no whatapp... E uso direto para interações sobre projetos freela.
    Em que pese não ser minha área de conhecimento, parece que pedir isso se assemelha a solicitar que as empresas de telefonia forneçam as gravações de todas as conversas telefônicas realizadas entre seus clientes, não?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem por aí, e caso as empresas de telefonia não forneçam as gravações os telefones do país todo ficariam mudos por 72 horas.

      Excluir
  4. Concordo, cadê o bloqueio dos celulares da prisão (que na verdade nem deveriam estar lá).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se bobear o ZapZap está funcionando normalmente nas penitenciárias.

      Excluir

Postar um comentário