The Walking Dead nos sistemas operacionais

Um morto muito louco: em outubro o falecido Windows XP teve um maior crescimento no mercado do que o 10. É mole?



Conforme dados da NetMarketShare de outubro, o Windows XP foi o sistema operacional da Microsoft com o maior crescimento, 0,78%, enquanto que o 10 cresceu apenas 0,17%. Em números absolutos, o Windows 7 ainda é o líder disparado com 46,63%, seguindo pelo 10 (29,26%), XP (6,46%), 8.1 (5,97%), MacOS X Sierra (3,34%) e todas as distribuições do Linux (2,98%). Pelo visto, se quiser agilizar a adoção do Windows 10, a Microsoft terá que retomar a agressiva campanha de upgrade gratuito para o sistema, talvez até mesmo anistiar quem usa o Windows 7 capitão gancho.

Vale lembrar que o XP está oficialmente sem suporte desde abril de 2014. Se você por algum motivo ainda utiliza o sistema, recomendo a leitura da postagem Guia de sobrevivência para usuários do Windows XP. 😉

Edge em baixa

O navegador Edge está em situação ainda pior, pois registrou queda na participação pelo segundo mês consecutivo (caiu 0,57% em outubro). Aqui o Chrome é o rei com 59,84%, seguido pelo também defunto Internet Explorer (15,09%), Firefox (13,14%), Edge (4,58%), Safari (4,4%) e Opera (1,23%). E pensar que no início do milênio o Internet Explorer chegou a ter mais de 90% do mercado! 😱

Fonte: MSPowerUser

Comentários

  1. O Windows XP é a Fênix dos sistemas operacionais. Nunca ira morrer. Zoeiras a parte, esse tipo de noticia me deixa um pouco preocupado, pois o XP é um SO arcaico a tempos. Sobre os navegadores, acredito que o reinado do IE ainda ira durar por mais algum tempo. E o Edge infelizmente já nasceu morto, e assim como o IE, é utilizado somente para o download do Chrome ou Firefox. Lamentável, de inicio parecia ser um projeto promissor, mas acredito que o histórico familiar herdado do IE tenha prejudicado. Me lembro de uma campanha da MS sobre o IE de 2011 se não me falha a memória, com o seguinte tema "O navegador que você amava odiar".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O XP antes mesmo do final do suporte já era um sistema brutalmente defasado, mas como ainda tem por aí muitas aplicações de legado ele vai sobrevivendo.

      Quanto ao Edge, talvez o fato dele ser baseado no conceito Metro/Modern UI afaste uma boa parcela de utilizadores.

      Excluir
  2. Ainda tenho uma partição com o xp instalado. O s.o. do dia a dia é o Win7 e a para uso eventual e bancario é o Linux Mint Mate.
    Em meu antigo 233mmx, o xp roda redondo. Uso o tema noir black e ficou parecendo um sistema atual!
    Saudades dos meus desafios com o XP!!!
    Já quanto ao 8 e o 10, nunca tive interesse em usá-los. Quem sabe futuramente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente para hardware antigo o XP é a melhor escolha.

      Excluir
  3. Tenho um PC AM2 com XP aqui, que não tenho coragem de formatar. A licença me custou na época (2008) quase 600 reais. O SO funciona normalmente, inclusive recebendo algumas atualizações de segurança desde 2014 graças aquele remendo maroto do registro. Mas é aquela história, a funcionalidade vai diminuindo com o tempo porque muitas aplicações já não são atualizadas. O Slackware 14.2 está instalado em dual boot nele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente um dual-boot com Linux é uma ótima alternativa aos que ainda tem o XP e não querem ou não precisam de um Windows mais novo.

      Excluir

Postar um comentário