Análise: Bitdefender Total Security 2018

Confira a análise da suíte de segurança Bitdefender Total Security 2018, a qual traz recursos que vão muito além da proteção contra softwares maliciosos. A licença do software para esta avaliação foi gentilmente cedida pela Bitdefender Brasil.


Instalação

O programa de instalação pode ser obtido diretamente no portal do Bitdefender Total Security 2018, o qual possui um tamanho reduzido e baixa os demais pacotes que compõem o instalador diretamente dos servidores da empresa. Este procedimento permite que a instalação seja feita sempre com os pacotes mais atualizados disponíveis.

Por padrão é instalada uma versão de demonstração válida por 30 dias, porem é possível fornecer uma chave de ativação e ampliar o tempo de validade do software facilmente.


Durante a instalação é feita uma checagem rápida do PC:


Interface e integração com o Windows 10

Logo após a instalação é feita a atualização de base de dados do aplicativo, e até que este procedimento seja concluído o status fica “em risco”. As opções e recursos do software ficam agrupadas conforme as funcionalidades, o que facilita a localização das mesmas.


A integração com o Windows 10 é totalmente transparente: o mecanismo do Windows Defender é desativado e apenas o Bitdefender fica ativo, conforme podemos observar na opção “Proteção contra vírus e ameaças” da Central de Segurança do Windows.


Funcionalidades

O Bitdefender Total Security 2018 possui um conjunto abrangente de funções, as quais serão mostradas uma a uma.


Análise Rápida

Trata-se de uma verificação “bate-pronto” que checa se há fragmentos de códigos maliciosos carregados na memória e em meio aos arquivos vitais do sistema operacional.


Análise de Vulnerabilidades

Esta função analisa o sistema em busca de potenciais brechas de segurança, como a não instalação de alguma atualização do Windows – sempre é bom lembrar que a falta de uma atualização de sistema foi o que permitiu que o WannaCry e outros ransomwares fizessem tamanho estrago.


Ambiente de Resgate

Esta função aciona o Ambiente de Recuperação do Windows 10, permitindo desta forma realizar verificações em uma ou mais partições com um conjunto mínimo de serviços do sistema iniciados. É um recurso útil caso a solução de segurança seja instalada em um sistema com suspeita de infecção, pela possibilidade de efetuar a verificação sem o software malicioso estar carregado na memória.


AntiSpam

Há suporte completo para controlar aqueles malditos e-mails não solicitados, com a opção de incluir endereços legítimos em uma “lista branca” bem como incluir o endereço dos spammers para bloqueio.


Proteção da Internet

Por padrão o Bitdefender verifica os sites acessados no equipamento (independente do navegador) em busca de sites com conteúdo malicioso e de pishing. É possível adicionar endereços confiáveis em uma lista que não será verificada, porém adicione apenas sites nos quais você tenha 100% de confiança como o Blog Retroware. 😃


Firewall

O Total Security 2018 também inclui um firewall que substitui o padrão do Windows. Além de proteger contra conexões de entrada não autorizadas, ele também monitora todas as aplicações que acessem a interface de rede para o envio de dados. Componentes legítimos do sistema operacional são automaticamente permitidos.


O console de configuração do firewall permite criar regras personalizadas para aplicações, intervalos de IPs e de portas facilmente.


Verificação heurística

Além do seu arquivo de assinaturas dos softwares maliciosos, o Bitdefender também monitora aplicações com comportamento suspeito, como por exemplo, que tentem modificar algum componente chave do Windows.


Proteção contra ransomware

Os ransomwares são a mais nova e perigosa ameaça da Internet contemporânea e os acontecimentos recentes com o WannaCry e o Petya mostraram que os mesmos podem causar grandes prejuízos. O Total Security conta com um módulo especializado para a detecção de tais pragas.


O módulo de proteção contra ransomwares é complementado pelo recurso Safe Files, onde pastas padrão do Windows (como a Meus Documentos) somente podem ser acessadas por aplicações explicitamente permitidas, evitando desta forma que sejam criptografadas pelos ransomwares.


Também é possível acrescentar aplicativos específicos para acesso às pastas protegidas, bem como adicionar mais pastas à proteção.


SafePay e gerenciamento de senhas

Trata-se de um ambiente dedicado para compras e transações on-line. Testei com as principais lojas brasileiras de comércio eletrônico e o recurso funcionou como o esperado.


O Bitdefender também possui um recurso para armazenar as suas senhas:


Cofre de arquivos

Este recurso criptografa e protege o conteúdo de uma pasta, sendo possível inclusive montá-la como uma unidade de disco.


Caso o seu disco seja acessado indevidamente, somente com a senha será possível ter acesso aos arquivos da pasta selecionada. Esta função é particularmente útil para notebooks e outros dispositivos móveis.


Exclusão segura

Poucos sabem, mas quando se exclui um arquivo ou pasta no Windows o mesmo não é efetivamente excluído. As posições que o arquivo ocupava no sistema de arquivos são marcadas como livres, porém o mesmo continua presente no dispositivo de armazenamento até que a sua posição seja regravada, havendo nesta janela de tempo a possibilidade de recuperar o arquivo excluído com boas chances de sucesso. Este método de exclusão vem desde o MS-DOS com o sistema de arquivos FAT e continua até o Windows 10 com o NTFS.

Por motivos de privacidade e de segurança pode ser necessário excluir um arquivo definitivamente: além de marcar as suas posições como livres, efetuar também uma regravação de dados nas mesmas. É exatamente isto que a função Destruidor de Arquivos faz.


Note que após concluído o processo será impossível recuperar os arquivos ou pastas excluídos!


Funções de otimização do sistema

O Bitdefender Total Security 2018 também conta com rotinas de otimização do sistema, que verifica arquivos temporários, cookies e chaves do registro obsoletas de forma similar a alguns softwares otimizadores tais como o CCleaner, com a vantagem de não ser necessário instalar mais softwares no Windows (o que sempre é uma boa prática).



O utilitário também mensura o impacto que cada aplicativo iniciado junto com o Windows causa no tempo de inicialização global do PC:


Serviço de localização

Há também uma função de localização do dispositivo, a qual pode ser utilizada para localizar quaisquer dispositivos que tenham o Total Security instalado. O PC utilizado nos testes não possui recurso de GPS e a plataforma de localização do Windows estava desativada, o que pode explicar o fato do software não ter conseguido rastrear o local exato do dispositivo, muito embora a margem de erro foi pequena.

Esta função é uma boa para localizar dispositivos móveis extraviados, furtados ou roubados.


Informações e configurações

Até agora demonstrei apenas os recursos e fincionalidades do Bitdefender Total Security 2018. As demais opções e monitores da aplicação serão abordadas a seguir.

Monitor de atividade

Concentra as ocorrências verificadas no sistema:


Monitor de notificações

Exibe tanto as notificações do Windows quanto as do próprio software:


Conta e assinatura

Nesta tela é possível verificar as informações referentes à sua assinatura e dados da sua conta. Funções de ativação e habilitação de mais dispositivos são feitas diretamente na página de gerenciamento da Bitdefender.


Configurações

A suíte conta com amplas opções de configuração. Acredito que a maioria delas são autoexplicativas e comentarei aqui as mais relevantes.


Há uma opção de configuração manual do Proxy, recurso que é necessário em muitas redes corporativas:


É possível definir a periodicidade para a verificação das atualizações da base de dados, bem como do próprio software em si. Recomendo fortemente manter a atualização automática ativada no menor intervalo possível.


Há também o gerenciamento de perfis. O perfil de jogos diminui o uso de recursos do sistema e desabilita notificações, o que é bastante apreciado pelos gamers.


Teste de desempenho

Estes são os serviços instalados pelo Bitdefender Total Security 2018:


Efetuei um comparativo do tempo de verificação completa da partição do Windows 10, entre o Bitdefender e a solução integrada do Windows 10, o Defender. O hardware utilizado pelos dois foi o mesmo, baseado em um Core i7 3770K @ 4,6 GHz, placa-mãe Gigabyte Z77X-UP7, 16 GB de RAM DDR3-2400 e placa de vídeo Nvidia GeForce GTX 760. A partição de instalação do Windows 10 está em um SSD Kingston UV400 de 120 GB.

O Windows Defender precisou de 7 minutos para concluir o processo, enquanto que o Bitdefender demandou apenas 3 minutos, menos do que a metade. O uso de CPU foi equivalente para ambos, algo em torno dos 90%:


Testes de detecção

Conduzi alguns testes para verificar a eficiência de detecção do Bitdefender. Ele passou no teste clássico do EICAR:


E também foi aprovado em todos os testes do http://amtso.org/ (Anti-Malware Testing Standards Organization), tanto nos de aplicações maliciosas quanto de pishing.



Conclusão

Ufa! Após esta “postagem maratona” é possível concluir que o Bitdefender Total Security 2018 é uma ferramente bastante completa e oferece funções que vão além das de proteção contra softwares maliciosos e afins. Na data em que escrevo esta postagem (início de setembro de 2017) a assinatura de um ano para até cinco dispositivos está em promoção por apenas R$ 99, um ótimo custo x benefício sem dúvida. Além do Windows 7, 8.1 e 10, também são compatíveis computadores Macintosh e dispositivos Android e iOS. 

Por fim, gostaria de agradecer à equipe da Bitdefender Brasil por ter cedido a licença do Total Security 2018 para avaliação. É muito gratificante ter o trabalho prestigiado por uma empresa de tamanha relevância no ramo de tecnologia.

Comentários