Unboxing e primeiras impressões: Mouse Redragon Pegasus

O Pegasus é um mouse no estilo “gamer” que traz vários recursos a um custo baixo. Será que é uma boa opção de compra?


Eis a embalagem do Pegasus:


No verso estão as características principais. A resolução é de bons 7200 DPI.


Além do mouse, acompanham um pequeno manual e um Mini CD com o software de configuração:


Na parte de baixo do mouse há um botão para chaveamento dentre as funções dos botões. Veremos mais detalhes adiante na configuração do software.


O Pegasus possui iluminação por LEDs cuja cor pode ser alterada via software.


O software de configuração da Redragon possui vários recursos, como o gerenciamento de perfis e a programação dos botões em até três modos, os quais podem ser alternados pelo botão presente na parte inferior do mouse mostrado acima. Também é possível configurar outros parâmetros como a sensibilidade e velocidade do scroll e do acionamento dos botões.


Abaixo vemos as funções que cada botão pode assumir:


Na guia Advanced é possível configurar a iluminação do mouse, cuja cor pode variar conforme a resolução (em DPI) utilizada em um determinado momento.


Também é possível gravar macros e associá-los a uma tecla em específico. Este recurso é bastante útil para tarefas repetitivas e em jogos.


Concluindo, o Pegasus pode ser encontrado no mercado brasileiro abaixo dos 100 reais e nesta faixa de valor é uma boa opção não apenas para os jogadores, mas para todos que estiverem procurando um mouse cheio de recursos de personalização e bastante confortável na utilização. Os seus destaques são a resolução e o software de configuração.

Veja também:

Comentários