Eis a melhor crítica às “Olimpiadas” do Rio

Se você faz parte do bloco dos brasileiros conscientes, que não gostam de Carnaval, que não dão a mínima para futebol, que não se deixam levar pelo mundo de fantasia mostrado pelos grandes veículos de mídia (principalmente a Vênus platinada) sobre os jogos do Rio, que acham um absurdo um país com tantos problemas gastar somas faraônicas nas Olimpíadas e na Copa (abastecendo os ralos da corrupção), e finalmente, que acham que os irresponsáveis que trouxeram tais eventos ao país deveriam ser presos, este jogo é para você. 

O Coliformia Games (cujo nome é uma paródia do clássico California Games, lá dos anos 1980) é um jogo onde você deve sobreviver no esgoto, oops, praia de Copacabana (além de outras praias e um lago, todos famosos do Rio), desviando de grandes troços de merda e do mosquito Aedes Aegypti, enquanto busca desesperadamente por kits do SUS para restaurar a saúde. Conforme a descrição oficial:


"Nessa competição emocionante, os melhores atletas de todo o planeta terão o privilégio de correr atrás de sua merdalha imersa em esgoto puro, de baixo dos braços da sétima maravilha do mundo moderno, desafiando os limites do corpo humano.

São duas lindíssimas praias, uma bela lagoa e uma enorme baia repletas de cocô de aproximadamente 5 milhões de pessoas que vivem em situações precárias e sem nenhuma estrutura de saneamento básico, que proporcionarão aos nossos atletas e turistas convidados uma gama de oportunidades de doenças exclusivas da cidade maravilhosa, com 99% de chance a cada 3 colheres de chá ingeridas!

Venha nadar com a gente no Coliformia Games! " 




O jogo foi idealizado pelos designers Gustavo Bife, Carolina Novais e Diego Leal, e desenvolvido por Mario Gesteira e Harrison Mendonça. Conforme os criadores, além de uma crítica aos jogos o título tem o objetivo de chamar a atenção para a falta de saneamento básico no Brasil. 

Clique aqui para conferir o Coliformia Games. Desde já podem contar com o meu apoio!

Veja também:

Comentários

  1. Muito bom! Adiciono outro flagelo nosso de cada dia: índices de criminalidade de país em guerra civil. Chega de megalomania desses loucos que nos "governam".

    Seria bom colocar no jogo umas balas perdidas para aumentar a dificuldade. :-)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem falar que nem o Usain Bolt ia conseguir correr de um arrastão! :p

      Excluir

Postar um comentário