Rei morto, rei posto

Depois de quase duas décadas de domínio mundial, finalmente o Internet Explorer caiu do trono e teve a coroa tomada pelo Chrome, que agora é o navegador mais utilizado no mundo com 41,71% de participação, contra 41,33% do IE (vide os dados de abril deste ano). Independente do seu navegador favorito sem dúvida é uma notícia para comemorar: da mesma forma que a inquisição atrasou a evolução da humanidade, o Internet Explorer (principalmente o 6) atrasou a evolução da Web. Devemos lembrar que foi necessário a própria Microsoft matar o IE para que isto fosse possível – rei morto, rei posto!

Mais um passo para a extinção definitiva do IE foi dado


Enfim, a vida realmente é bela. Vou ter a satisfação de dizer aos meus netos que estava vivo para testemunhar a queda do Internet Explorer e do Gol. Que maravilha!

Veja também:

Comentários

  1. Não é bem assim amigo!

    ResponderExcluir
  2. Ainda me lembro bem, conexão incrível de 300k (brasil telecom), 10 abas abertas, digo janelas... rsrs... Bons tempos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bacana! Já eu lembro da minha conexão de 33,6 Kbps com o glorioso hardmodem USR ISA, quando por falta de opção usava o IE 3 (o Netscape era pago e os cracks dele eram cheios de vírus), isso lá nos idos de 1997. Difíceis mas saudosos tempos.

      Excluir
  3. Por que o Gol, coitado?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque assim como o IE, o Gol não tem méritos técnicos que justifiquem tantos anos de liderança no mercado.

      Excluir

Postar um comentário